segunda-feira, 26 de maio de 2008

Soares Franco e o título

Finalmente, o presidente do Sporting mostra um discurso a empurrar o clube para o sucesso desportivo. "Quero ser campeão na próxima época", anuncia Soares Franco ao "Record", o que significa que, até agora, andou a jogar para o segundo lugar.
Tinha de ser. Ou melhor, Soares Franco tinha de querer ser campeão. Sobretudo agora. Porque caminha para o seu terceiro ano como presidente e ainda não ganhou um título de campeão nacional. Aliás, o Sporting, ao não ter sido campeão em 2008, entrou no segundo período mais longo da sua história sem conquistar o título de campeão nacional de futebol, depois do longo jejum entre 2002 e 2000. E, como há eleições no primeiro semestre do próximo ano, é fundamental um Sporting vencedor no futebol para apagar quaisquer alternativas ao franquismo. Daí a súbita viragem para o reforço da equipa de futebol, embrulhando lá no meio um projecto de reestruturação financeira que, a ser verdadeiro, e tendo em conta o preço altíssimo que o clube está a pagar pelo dinheiro que pediu à banca, será a maior prova da incompetência de todos os gestores do Sporting, que, só por isso, justificaria a sua demissão imediata.
A questão é simples: se a partir de agora o preço do dinheiro vai baixar, porque o Sporting se lembrou de renegociar a dívida à banca, por que é que esse preço não baixou há mais tempo? E como é que é possível baixar o preço do dinheiro numa época de juros cada vez mais altos? Quem anda a viver à custa do Sporting?...

16 comentários:

Anónimo disse...

Estranho esta entrevista aparecer no RECORD. Ate pensei que fosse na BOLA... Parece que agora já são todos amigos outra vez... Se calhar não é assim tão estranho...

Anónimo disse...

Mais uma cambalhota de Soares Franco.Nesta altura convém a SF proferir este discurso,pois a situação assim o obriga,para levar os sócios,mais uma vez,cairem na esparrela do que está a propor.
Num passado recente ouviamos dirzer-lhe que o 2ºlugar era melhor porque não teria de pagar prémios de campeão.
Todos os sócios querem e sempre quiseram o título,não é de agora.
Eis a razão de dizer mais uma cambalhota de Soares Franco a juntar às muitas que tem feito durante a sua vida de dirigente desportivo.

António Lopes da Costa disse...

Para se ser campeão tem de se ter, pelo menos, uma equipa competitiva. E não se constrói uma equipa de futebol competitiva deixando sair os melhores jogadores e ir buscar ou jogadores em fim de carreira ou jogadores de qualidade desconhecida ou duvidosa.
Roca não substitui Veloso nem Viana substitui Moutinho. Isto, apesar de serem bons reforços.
Trocar os dois que cá estão pelos dois que estão a vir é tirar valor e competitividade à equipa do futebol.
Para se ter uma grande equipa é preciso que haja uma grande coragem para ir ao mercado e buscar os grandes jogadores que o Sporting tem capacidade de trazer de lá.
Se esta direcção não consegue cumprir as suas promessas e manter as jóias da corôa (Nani, Veloso, Moutinho), se não consegue sequer manter os outros bons jogadores que tem (Tello, Carlos Martins, Caneira, Derlei?, Grimi?, Vuk?, Izmailov?, Stojkovic?) e não consegue reforçar a equipa da melhor forma possível, teremos todas as razões para questionar se este Sporting será alguma vez capaz de conseguir ser campeão nacional.
Porque, a julgar pelas notícias dos jornais, o Sporting, para o ano, vai continuar a ter uma equipa de futebol de segunda linha.

Sociedade disse...

Um pouco mais de honestidade intelectual, SFF...

- acreditam mesmo que o FSF NÃO QUERIA ser campeão este ano? Dizer publicamente que quer ser campeão para o ano NÃO quer dizer que para este ano só estava a pensar no 2º lugar...

- È um mito urbano que FSF alguma vez tenha dito que o 2º era melhor que o 1º por causa dos prémios. Que me lembre FSF nunca disse isso...

- Manter Nani, MVeloso e JMoutinho não são promessas de FSF. A promessa é criar situações para que não saiam. E para isso a solução é cláusulas altíssimas. Mas, como sabem (se não, deviam), quanto mais elevada a cláusula de rescisão maior as contrapartidas para os jogadores (a quem interessa uma cláusula baixa). A promessa foi cumprida: clausulas e ordenados altíssimos para JM e MV. Se, ainda assim, pagarem esse valor, não há um incumprimento da promessa pelo FSF.

PS: desculpem, até pareço o advogado de defesa de FSF... Mas, há críticas que não fazem qualquer sentido e, para mim, quem ataca sem fundamento o presidente do meu clube, está a atacar o Sporting...

AD

Anónimo disse...

Sociedade,se quer saber a verdade,faça directamente a pergunta a Soares Franco,pois não terá a coragem de dizer o contrário,tal foi a forma como o disse em frente de muita gente.
Questione-o cara a cara e verá o que acontece.

Anónimo disse...

«Quero um clube só de futebol, sem sócios mas com adeptos que não se intrometam na gestão nem tenham voto nas eleições dos corpos sociais» dizia o presidente Soares Franco em 12 de Julho de 2005 ao Correio da Manhã.

Anónimo disse...

Filipe Soares Franco: «O ideal é ganhar a Taça e ficar em 2º na Liga. Chega-se onde se quer e não se tem de pagar o prémio de vitória». Dito bem antes do Benfica-Sporting.

Vários jornais

jota disse...

sou visitante recente deste blog,mas parece-me que é mais anti-filipe soares franco do que pró sporting,será que o homem ainda não fez nada de jeito ou são vocês que são do contra? é que a unica coisa que aqui vejo são criticas atrás de criticas

Anónimo disse...

Jota podes voltar para a toca de onde saiste!!!

Quem é contra o Soares Mentiroso são os verdadeiros sportinguistas... tudo é resto, estão no Conselho Leonino

Joao disse...

Este post mais uma vez ilustra a sua evidente má fé quando se trata a analisar alguma coisa que FSF diga.

Até apostava que se ele dissesse que a Tera roda à volta do Sol, você diria que ele deve ser louco, pois então ele não vê o Sol a mover-se no céudurante o dia?

Outra nota para o anónimo comentário #7. A sua fonte é "vários jornais"? Admiro o seu rigor.

leão do sul disse...

Amigo João, quando os sites não são controlados tornam-se, de facto, muito imprevisíveis...

12Setembro disse...

gostaria de saber o que é que os criticos de fsf fazem em prol do clube? e gostaria de saber se estes criticos vao ao estadio nos maus momentos? se acompanham a equipa de norte a sul do pais? deixem-se de merdas e apoiem o clube, independentemente se ele é vosso, dalgum rico russo ou americano ou do bes.
sporting sempre

Anónimo disse...

12Setembro disse...

"(...) apoiem o clube, independentemente se ele é vosso, dalgum rico russo ou americano ou do bes."

Pois, se ele não for meu, não apoio. E até quero que perca. Acabou o futebol para mim. Entendido?

Psilva disse...

Algures na entrevista ao Record, FSF refere que só com o desenvolvimento do futebol o Sporting terá condições para, no futuro, ter modalidades competitivas. Penso que na mesma entrevista se refere a dificuldade de obter patrocínios face ao maior peso da marca benfica.
Para além da curiosa submissão à marca benfica, será que ninguém sugere a este senhor que mande alguém a Guimarães ver como é que um clube de cidade consegue ser campeão em voleibol e ganhar a taça em basket no mesmo ano em que fica em 3º no futebol?
Para mim, o que se pretende mesmo é acabar com as modalidades e prova disso é a inexistência de uma política bem definida para as mesmas (já para não falar do pavilhão...). Prova disso é, também, eleger Moniz Pereira como vice-presidente para as modalidades, com toda a propriedade face à figura referencial que ele é, e depois não designar alguém para implementar e gerir uma política coerente para as mesmas, no diálogo com as diversas secções. Ou seja, fico com ideia que o Prof. é usado para fazer passar a ideia de que a Direcção se preocupa com as modalidades e ele não o merece de todo...
Mas o grande problema disto é que o Sporting sempre se distinguiu dos outros, não pelo futebol mas por ser o clube dos agostinhos e dos lopes. Não perceber isto, e até o benfica já o percebeu ao inventar de um dia para o outro secções de judo e de triatlo, é condenar o Sporting à lenta decadência, aqui e ali suspensa por umas vitórias isoladas do futebol.

jota disse...

compreendo ó anónimo,devem ter saudades dos tempos de jorge gonçalves e sousa cintra,esses sim davam-nos tudo o que a gente queria,o pior era para quem vinha depois e tinha que apanhar os cacos

Alex A. disse...

Também quero ser campeão, mas para isso é necessário aprender com os erros na escolha do plantel da próxima época. Será que esse trabalho está a ser feito?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...