quarta-feira, 11 de junho de 2008

O analgésico lusitano

Depois dos turcos, o exército de Luiz Filipe Scolari derrotou a República Checa por 3-1. Portugal, cuja equipa é dominada pela defesa do FC Porto dos últimos anos e pela escola de formação do Sporting Clube de Portugal, está a fazer melhor do que no Euro 2004, disputado em terras lusitanas. A continuar assim só pode chegar à final e ganhar o título europeu, pela primeira vez na história da selecção portuguesa. Seria o melhor analgésico que José Sócrates poderia encontrar para enganar as dores de um País, provocadas por uma economia que teima em andar no sentido contrário do aumento dos preços dos combustíveis e dos bens alimentares. Só é pena que o Presidente da República, Cavaco Silva, no Dia de Portugal, não se tenha lembrado de dar uma medalha de mérito desportivo ao Sporting Clube de Portugal, cujo trabalho de muitos anos se vê agora no futebol da selecção. FOTOS: Dimitar Dilkoff e Patrick Hertzog (AFP-Getty Images)

2 comentários:

Dina disse...

Gostei muito da 2ª parte do jogo e estou convencida que se não desistirmos, quando as coisas parecem mais difíceis, chegamos lá. (Viena)

Nuno disse...

Pois é...o Presidente da República chama dia da Raça ao dia de Portugal e prefere dar medalhas a um guarda-redes frustrado que ganhou a maioria dos seus títulos às custas da roubalheira do seu clube.

Cada país tem o Presidente que merece.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...