sábado, 6 de setembro de 2008

A malta de Queiroz soma e segue

A malta de Portugal, agora orientada por Carlos Queiroz, soma e segue, com nove golos marcados e nenhum sofrido em apenas dois jogos. Depois de um ensaio promissor com as Ilhas Feroé (5-0), a selecção portuguesa abriu oficialmente a sua campanha rumo ao Mundial'2010 da África do Sul com uma vitória, agora por 4-0, sobre a selecção de Malta, em La Valletta. Uma vitória robusta que confirma o novo ciclo de que fala Carlos Queiroz, traduzido num tempo de mudança capaz de levar a selecção portuguesa ao topo mundial. É certo que Portugal é nono no "ranking" da FIFA e a Malta ocupa a 133ª posição. Mas isso não diminui os três pontos conquistados. Uma vitória por 4-0, nos gtempos que correm, mantém devidamente as distâncias e confirma uma selecção de Portugal a trilhar o caminho da excelência. O problema é quando o resultado não tem nada a ver com o "ranking", por culpa de um favorito que não puxa pelos galões. Neste caso, pelos golos. Basta lembrar o apuramento sofrido para o último Europeu... Dinamarca (na Hungria) e Suécia (na Albânia!...), dois dos principais adversários no grupo de Portugal, já perderam os dois primeiros pontos. Venham os dinamarqueses. Cá os esperamos, quarta-feira, em Alvalade!... FOTO: Reuters

13 comentários:

Soylent Green disse...

Ainda é cedo para fazer uma avaliação. Queirós é a escolha óbvia para suceder ao Scolari mas falta-lhe a alma deste embora lhe seja superior nos aspectos teóricos do jogo.
Tenho um certo receio da impaciência do professor nos jogos mais duros, em que as coisas podem começar a correr mal, especialmente com o Carlos Martins em campo, jogador que não me parece ter perfil para jogar com as selecções mais "manhosas".

Dentista disse...

Concordo em absoluto com o comentário anterior, o Carlos Martins é um flop "made in Queirós" e alguém acredita que se estivesse no Sporting era titular na selecção?? Pois...
De qualquer forma creio que o CM não tem lugar no Sporting, saia quem? o Veloso? o Moutinho? o Roca? o Izmailov? não me parece. Agora imaginem como é possível ser titular na selecção e ter no banco Pedro Mendes ou Moutinho, o adjunto Queirós com estas opções vai dar tiros no pé...

cantinhodomorais disse...

Neste momento Queiroz (pessoa muito admirada neste espaço por ter dito o que disse do Presidente do Sporting Clube de Portugal), vai trilhando um caminho que, a longo prazo, se revelará de uma grande incompetência e prepotência.
Falando só nesta semana, o facto de convocar Djaló fez parte de uma estratégia que visa enfraquecer Rui Caçador (um dos últimos restos de Scolari) dentro da estrutura técnica federativa. Djaló, como já se sabia, nunca iria jogar pelos AA, pois faz parte de um clube que não é do agrado do Professor e porque existem outros atletas em melhor forma (Nuno Gomes).
Por outro lado, a convocatória de Martins é o expoente da arrogância e falta de qualidade. Martins, que esta época vai mantendo a bonita média de 50 a 60 minutos por partida (a época passada foi o jogador mais vezes substituído em Espanha) é o paradigma de um jogador desfasado do resto da qualidade da equipa, principalmente do meio-campo. Colocá-lo a jogar junto de jogadores como Deco é um insulto ao futebol e ao país, pois estamos a falar da selecção nacional. O gozo continua, quando no banco, ficam jogadores como Maniche, Pedro Mendes e Moutinho. Enfim...
Por fim, a teima de colocar o Antunes, porque é o único esquerdino em Portugal (???) é o auge da inabilidade que o Professor tem para a sua profissão.
Neste momento o Sporting é o clube que mais portugueses tem no plantel e na equipa titular. É o clube com mais portugueses inscritos nas provas internacionais. É o clube com mais vitórias OFICIAIS na época que se inicia. Perante isto, perante as palavras do Professor em que as convocatórias são feitas segundo a boa forma dos jogadores no imediato e não por lugares cativos, não haverá espaço para mais que 2 jogadores na equipa A? Sendo que 1 jogou 10 minutos e outro foi a Malta às compras?

Veremos o que vai acontecer daqui para a frente. Agora vem a poderosa Dinamarca, no Estádio de Alvalade. É pena, sr. Professor, já não dá para mudar de sítio. É mais uma herança de Scolari. Deixe lá, daqui para frente será tudo na Catedral.

Soylent Green disse...

No excelente blogue "mãos ao ar" Bulhão Pato escreveu o seguinte texto sobre o jogador em apreço:


Carlos Martins

Acabo de chegar da ilha do Corvo, nos Açores, onde descobri o valor da polissemia da língua portuguesa. Aparentemente, uma “ministra”, que para o resto do país é uma politica eleita para um governo, ali é o móvel de quarto de cama onde se guarda o penico. Voltarei ao tema mais abaixo.
Suspeito que se uma equipa de neurocirurgiões analisasse ao pormenor o cérebro do Carlos Martins não encontraria nada de especial. Se os lóbulos do bolbo raquidiano são a zona do cérebro especializada em gerir as emoções e a agressividade, os do Carlos terão quatro ou cinco vezes o tamanho normal e, provavelmente, o bolbo já cortou relações com o raquidiano há alguns anos. Tirando isso, porém, a explicação para o desequilíbrio do artista não é morfológica. É ambiental.
O Carlos chegou ao Sporting com o rótulo de craque. À partida, isso não o distinguiria dos vinte ou trinta miúdos que ali chegaram nas mesmas condições durante a década de 1990. Simplesmente, o Carlos foi dado como craque aos 11 anos. Para uns, isso seria um fardo suportável. Para o Carlos, essa responsabilidade tornou-o naquilo que os especialistas chamam um maluquinho irrecuperável.
Talvez se recordem que, pela transferência do Oliveira do Hospital para Alvalade, o Sporting teve de compensar o clube do distrito de Coimbra com um jogo particular realizado pelos seniores de então. Nessa tarde memorável, aquele dez réis de gente deu o pontapé de saída perante a euforia das bancadas, que vitoriaram loucamente o futuro craque da terra.
Ao longo do seu percurso de formação, estimulado pelos contínuos elogios à sua (reconheçamos) ímpar capacidade técnica, o Carlos desenvolveu um forte sentido daquilo a que ele próprio designa por carisma e a que o resto do mundo chama esquizofrenia aguda.
Em função disso, não concebe uma decisão técnica que lhe seja desfavorável. Mastiga demoradamente cada desilusão como se ela escondesse uma marosca inconfessável para o tramar. Interioriza, sem processar, essa frustração e, quando entra em campo, fá-lo com a avidez dos cavalos de corrida, pronto a resolver um jogo nos primeiros três minutos. Aos quinze, está invariavelmente de língua de fora; aos trinta, está esbaforido e de olhos esbugalhados; aos cinquenta, costuma ser expulso por agressão bárbara.
No fundo, necessita de provar à bancada, em cada lance, que merece estar ali e que aquele é o seu lugar. Mesmo que isso implique lançar-se num carrinho louco, a caminho da linha de fundo [vide Sporting-Moreirense], para tentar centrar uma bola impossível e terminar o lance com o ombro deslocado.
Dir-me-ão os senhores que está ali um craque em potência. É o problema da polissemia na língua portuguesa, já expresso no exemplo da ministra: para o Benfica, o Carlos tanto pode de facto vir a ser um craque (jogador de excepção) como um craque (queda abrupta de cotação).
Eu aposto na segunda.

leão do oeiras disse...

Este "prof", que criou uma empatia com os portugueses só comparável à do prof. Aníbal de Boliqueime, por sinal dois incompetentes (...)é um verdadeiro fracasso a todos os níveis tanto humana como desportivamente.
O tempo irá dar-me razão.
PS - Com ele na selecção sou apátrida!

Anónimo disse...

Oh Lde.
E nem uma palavra sobre a vergonhosa campanha que o jornal a bola anda a fazer? Já viu o que disse o pasquim sobre o Moutinho? Depois desmentido pelos dois outros diários desportivos?
É a preparação do derby...

cp disse...

boas!!
concordo inteiramente com o 2º +post do soylent green!
se esse tal queiroz diz q so convoca os melhores, entao este devera ter sido o último jogo daqule que para os lados do CCColombo é o melhor jogador portugues da actualidade!

Sporting na Família desde 1907 disse...

Boa tarde,

Eu nem queria vir para aqui mandar palpites pois sou um bocado como o meu pai que quando lhe pergunto se não vem ver o jogo da selecção, ouço sempre a mesma resposta/pergunta,
-É o Sporting que está a jogar?-
Bom, mas depois há a questão do hino, das quinas e acabamos todos a sofrer por Portugal (não só no futebol...)

Como dizia hoje de manhã o Sr. Dionísio da mercearia (vou tentar reproduzir a fonética),

-Para já jogámos com uns "cóbóizes das Ilhas do Faroeste" ódepois" com a Malta e quero ver se na "Córta-Feira" não joguemos á brava e depois a "Dina-marca"-.

E depois riu-se à brava com o trocadilho e, perante a minha apreensão (não é que o homem até tem razão?), julgou que não tinha percebido.

Quanto às opções do Prof., são as dele e vai ter de as explicar para o bem e para o mal, isto se não quiser trilhar o caminho de Scolari.

Já aqui se falou na titularidade de Carlos Martins (pasme-se que até o Rui Santos comentou esta questão), o "roubar" Djaló aos miúdos para ir passear a Malta.

Enfim, estou curioso, não apátridamente crítico, mas expectante.

PS - O sr. Dionísio é apoiante do Atlético Clube de Portugal e dá uma luta do caraças.

Anónimo disse...

O silêncio, sempre o silêncio...
Se os outros calam
Denunciemos nós!

Nova Polémica Futebol Portugês

Hulk=Caso Meyong

http://resistencia06.blogspot.com

1906

Luta & Resiste!

Allez Sporting disse...

Tb vinha aqui falar desse "caso" hulk.
andei nuns blogs lamps e vinha aqui referir que eles andam obcecados com o porto.
até arranjaram umas imagens onde o cebola dá um toque num pé da mónica gomes para reclamar sumaríssimo.
pois bem que andem obcecados (distraidos) que nós tratamos deles

1906,
parece-me que não há razão no caso hulk. o que conta é a época iniciada em 1 Julho. Já li uma comparação ocm o caso Mascherano e parece-me que está certo

Vieira Calado disse...

Fico, desde já, cliente deste belo espaço leonino.
Saudações leoninas

LEÃO DA ESTRELA disse...

Seja bem-vindo, Vieira Calado!

Rogério disse...

vale a pena ver
http://oantilampiao.blogspot.com/2008/09/mais-um.html

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...