domingo, 14 de setembro de 2008

RECORTES LEONINOS

A MAGIA DO NÚMERO
>>>
O número sete é para muitos um número mágico, misterioso, místico. Além de limitar as artes, as cores do arco-íris, as maravilhas do mundo, os dias da semana, entre tantas outras coisas, sete é também o número que distingue diversos factos e curiosidades que ajudam a contar a história que une Sporting e Barcelona. (...)
Hoje a jogar e a fazer jogar no Inter de Milão, Figo defendeu a camisola sete em Alvalade e em Camp Nou com brilhantismo. Fonte de paixões e ódios iguais em intensidade, o extremo encantou a massa adepta leonina com o perfume emergente do seu futebol para a deixar à beira da loucura quando esteve perto de ser agredido em plena sala de imprensa do antigo Estádio José Alvalade, ao tomar-se conhecimento que firmara contrato com Juventus e Parma, este último um clube associado à empresa Parmalat, ao tempo patrocinadora do arqui-rival Benfica. Hoje é tido como o filho pródigo que nunca voltou a casa e muitos ainda suspiram com o seu regresso, independentemente da competência com que o fizer.
Na Catalunha, a história não terminou tão bem. Banido por dois anos em Itália, Figo seguiu para o Barcelona. Ali, conquistou os exigentíssimos adeptos "culés", tornou-se símbolo, ganhou títulos e dimensão mundial, mas a (até então impensável) mudança para o Real Madrid no Verão de 2000 lançou uma onda de choque e ódio sem precedentes entre a família blaugrana, por toda a Catalunha e o que ela representa, que até hoje perdura. Na memória de todos ficou o regresso do internacional português a Camp Nou com a camisola merengue trajada. O próprio Di Stéfano disse que "nunca tantos estiveram contra um só".
Após tantos incidentes que lançaram uma maldição sobre a camisola leonina, muitos foram os que, de sete no dorso, sofreram lesões, muitas delas de extrema gravidade que, não raro, lhes ceifaram a carreira em Alvalade. Exemplos não faltam: Iordanov, Leandro, Delfim, Sá Pinto e Niculae. O sete verde e branco é agora pertença de Marat Izmailov e a malapata parece ter-se finalmente dissipado.
O médio russo é dos mais dotados jogadores do Sporting e promete partir para uma grande época. À atenção do Barcelona, "Izma" anotou um bonito golo e uma boa exibição na derrota (5-3) em casa do Real Madrid, no particular realizado a 27 de Agosto passado, sendo dos poucos leões a comportarem-se à altura num desafio em que os verdes e brancos estiveram a um passo de um vexame público em pleno Estádio Santiago Bernabéu. Depois de uma primeira temporada em grande parte dedicada à ambientação a Portugal, também condicionada pelo peso de ano e meio sem repousar, mas mesmo assim preenchida com pormenores bem ilustrativos da sua categoria, Izmailov esteve ligado a períodos importantes da época 2007-08, com destaque para a conquista da Supertaça, a qual decidiu com
um portentoso remate de meia-distância, e para a forma como desequilibrou na histórica goleada (5-3) ao Benfica na meia-final da Taça de Portugal, na qual teve coragem para sair do banco, apesar da sua débil condição física. (...)
Autor: Filipe Alexandre Dias, “O Jogo", 14-09-2008

7 comentários:

Sporting na Família desde 1907 disse...

Que me desculpem, mas acho este artigo fraquito para merecer a divulgação no LdE.

Allez Sporting disse...

esta éuma oportunidadde de ouro de derrotar o barcelona.
é provavelmente o pior barcelona dos últimos 10 anos

O 7 Maldito disse...

O Izmailov quebrou a "maldição" do nº7 e, ou muito me engano, ou vai-nos dar muitas alegrias este ano.
(bater na madeira 3 vezes)

Anónimo disse...

A transcrição deste artigo é para ver se são "pagos" no retorno, com a menção deste blogue, nas futuras tiragens d'O Jogo, como já tem acontecido noutros.

Anónimo disse...

Apanhado motorista de Pinto da Costa
A PSP do Porto interceptou na madrugada de ontem, na zona do Marquês, no Porto, o motorista particular do presidente do FC Porto, Pinto da Costa, durante uma mega operação policial que visou as principais áreas e bairros problemáticos da cidade e que resultou em 23 detenções por tráfico de droga, posse de armas ilegais e condução sob efeito de álcool.


Afonso Ribeiro foi multado, mas escapou ao teste de alcoolemia. Nos mais de 30 minutos em que esteve retido, nenhum agente efectuou o exame, apurou o CM no local.

Passavam poucos minutos das 04h00 quando Afonso Ribeiro foi mandado parar por um dos agentes. O portista viajava num BMW Z3 juntamente com duas jovens mulheres. No carro de luxo, do qual é proprietário, seguiam, no total, três pessoas, apesar de a lotação máxima daquele modelo ser apenas de dois ocupantes.

O funcionário do clube azul e branco, arguido num processo em que é acusado de ter agredido a ex-companheira de Pinto da Costa, Carolina Salgado, pagou a multa na hora pelo excesso de ocupantes e arrancou a grande velocidade, visivelmente irritado com a PSP.

Anónimo disse...

Por acaso acho este artigo muito interessante. Gostei de o ler. Figo é uma referência e Izmailov um jogador em que aposto tudo.

SL

Soylent Green disse...

7 é o número da épocas em que o Sporting não ganha o campeonato (caso não vença nesta). O Jardel deve ter partido um espelho do balneário quando andou por lá!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...