terça-feira, 13 de janeiro de 2009

Luís Figo, Cristiano Ronaldo e o Sporting

Depois de Luís Figo (2001), Cristiano Ronaldo é o segundo futebolista português a ser eleito pela FIFA como o melhor do mundo, deixando para trás os hispânicos Lionel Messi e Fernando Torres. O que confirma a ideia de que os portugueses são mesmo bons de bola...
Em comum, o facto de Figo e Ronaldo terem sido formados no Sporting Clube de Portugal, sem terem trabalhado na Academia de Alcochete (o avançado do Manchester United só andou lá uns meses). Portanto, fizeram o futebol juvenil e júnior em Alvalade quando o Sporting ainda não dispunha das condições que hoje pode proporcionar aos seus formandos. O que valoriza ainda mais o sucesso internacional dos dois atletas.
Destas distinções internacionais ressalta um facto indesmentível: o Sporting é o único clube português capaz de formar jogadores de categoria internacional. E ainda forma jogadores para os adversários directos venderem a clubes estrangeiros. Três exemplos: o FC Porto, que vendera Paulo Futre, na década de 1980, acabou de vender Ricardo Quaresma ao Inter de Milão e o Benfica, mais recentemente, vendeu Simão Sabrosa ao Atlético de Madrid. Três provas de que o Sporting também forma jogadores para dar a vender... FOTOS: Reuters

17 comentários:

Leão de Alvalade disse...

No dia em que o futebol sénior do Sporting produzir com idêntica qualidade como produz o futebol juvenil, o Sporting terá voltado aos tempos em que foi grande como no tempo do Zé da Europa. E para isso precisa de ser mais criterioso nas suas apostas e contratações. De que serve contratar jogadores como Tiuí ou Ronny, p.ex., para depois ver jogadores como Saleiro, Paim, Marques e outros andarem a penar por uma oportunidade?

cantinhodomorais disse...

O Sporting foi para a Academia de Alcochete no ano em que foi Campeão Nacional pela última vez, 2001-2002. Creio que terá sido no ínicio de 2002.
O Ronaldo foi vendido em Agosto de 2003, terão passado, pelo menos 17 meses.
Será que "só andou lá (na Academia)uns meses"?

LEÃO DA ESTRELA disse...

Sim, uns meses, caro Cantinho do Morais... Em seis ou sete anos de carreira de Cristiano Ronaldo no Sporting, os 17 meses que refere são, de facto, uns meses...

Ricardo disse...

A Academia foi inaugurada em 21/06/2002, já a época 2001/2002 (de boa memória) tinha terminado.

De facto, foi muito pouco o tempo de que Cristiano Ronaldo beneficiou dessas magníficas instalações.

Também lhe teria ficado bem uma palavra de agradecimento ao clube que o formou...

Pai da Leoa disse...

"Academia de Alcochete", NÃO, sff!!!!

Academia Sporting/Puma
Academia em Alcochete
Academia Sporting
A Academia
A Nossa Academia

Tudo são hipóeteses, agora Academia de Alcochete, não... ainda alguém julga que aquilo é municipal... e parece a SIC durante todo o Euro 2004.

Força, Leão da Estrela!
Parabéns, Sr. Aurélio Pereira!
Grande CR7!!!!

Obrigado por aquele dedo do meio esticado, algures em Lisboa (Dezembro 2005)

varatojo disse...

Eles dizem-se do Sporting, mas nem o nome das coisas sabem dizer. Ele é a "Academia de Alcochete", é o "Estádio José de Alvalade", enfim... Uns grunhos.

RA disse...

"Destas distinções internacionais ressalta um facto indesmentível: o Sporting é o único clube português capaz de formar jogadores de categoria internacional."

Está bem, então.

Rui Costa e Paulo Sousa (da altura do Figo) nunca existiram.

Anónimo disse...

Parabéns Cristiano Ronaldo!

Foi pena que Cristiano não tivesse feito referência ao Sporting, ele que é uma pessoa tão emotiva e apegada às raízes como se comprovou das suas breves palavras de agradecimento.

Mas algo me diz que se no Sporting estivessem outro tipo de dirigentes a Mistica Leoninas seria outra e CR não teria saído da forma como saíu, e mais, seria muito mais reconhecido ao clube que inicialmente o projectou!

Luis MP

Anónimo disse...

Mesmo que se veja em negro também podis colocr as fotos dos premiados como melhores do mundo os "premiados Galinaceos"...isto é assiam o S C P é um Colosso

LEÃO DA ESTRELA disse...

Caro RA: Tem razão, quanto a Rui Costa e Paulo Sousa. Foram, de facto, jogadores de categoria internacional. Só que o texto refere-se apenas a jogadores que conseguiram ser eleitos como os melhores do mundo pela FIFA. E esse são apenas do Sporting.

Pedro Pita disse...

Esta coisa de escolher o melhor do mundo é sempre subjectiva. Em teoria quem tem razão é Xavi, um dos mais fantásticos jogadores de equipa do mundo. Nenhum jogador com as suas qualidades vai algum dia ganhar um prémio deste género.

Enquanto jogou ao mais alto nível ninguém tinha dúvidas que o diez argentino era, de muito longe, o melhor- pelo que jogava e pelo modo como metia equipas medianas a vencer titulos. Após Maradona houve Ronaldo e Zidane, mas nenhum deles chegou a fazer sombra à figura de El Pibe como rei incontestado. Parece-me que Leo Messi está a caminho de se tornar, mais ano menos ano, no novo Maradona, e de se tornar o indiscutível n.º 1. Daí que ache que a escolha podia e devia ter recaído em Messi. É de longe o melhor jogador do mundo.

Dito isto, que é apenas uma opinião( que hoje dia muita gente confunde um tanto estupidamente com falta de patriotismo!), parabéns ao nosso Ronaldo, que fez uma época extraordinária para a qual sobram poucos adjectivos. Foi um reconhecimento justo do seu grande trabalho ao serviço do Man United. É um belissimo jogador, o sucessor do grande Luís Figo. É igualmente um prémio que premeia o futebol português, a nossa academia e evidentemente a Madeira.

Um grande abraço

Petinga disse...

Pedro Pita,

Cada um tem a sua opiniao, mas no periodo correspondente a esta votacao o Cristiano Ronaldo foi um dos grandes (senao "o" grande) responsavel pela epoca de maior sucesso do Manchester United desde 1999. Ora isto dito de um clube que e "so" o mais rico do Mundo e que apesar de mais de 15 presencas na Champions League so a tinha ganho 1 vez, parece-me maior do que o Messi. Que sim, e um grande jogador, mas que NAO, ainda nao e capaz de carregar o Barcelona as costas para vitorias de calibre Europeu e Mundial. E aqui nao ha nenhum patriotismo envolvido, apenas uma analise racional dos factos.
Ninguem tem duvidas de que Messi vencera o premio mais ano menos ano - mas tera simplesmente que o merecer.


RA: O Porto tambem formou alguns jogadores de craveira internacional. Mas o que nao se pode retirar ao Sporting e ser o clube formador dos dois unicos jogadores portugueses agraciados com o premio mais alto da FIFA.
Ha o bom, o muito bom, o excelente e o melhor. A diferenca entre as duas ultimas categorias pode ser minuscula, mas e disso que estamos a falar aqui. E e geralmente disso que rezam os livros de Historia.

Saudacoes Leoninas

Rui Moura disse...

Ser Sportinguista em Portugal e botafoguense no Brasil é uma predestinação celestial!

Quem criou Figo e Cristiano Ronaldo?... Quem criou Garrincha e Nílton Santos?...

Parabéns ao Sporting! Quanto a mim: Parabéns, sobretudo, ao Sporting!

Abraços leoninos.

Gouveia disse...

Caro Rui Moura,

Lamento discordar mas Sportinguista em Portugal e Vascaíno no Brasil é comunhão transcendental!

Todo o português que se preze é Vascaíno no Brasil, basta olhar ao emblema do Gigante da Colina...

Mas eu tenho simpatia pelo Fogão

VIVA O SPORTING!

RA disse...

leão da estrela, amigo, apenas respondi a "Sporting é o único clube português capaz de formar jogadores de categoria internacional".

não duvido que o sporting tenha os melhores resultados (futuros) a nível da formação. isso não está em causa. mas não é por isso que vamos fazer de conta que os outros também não têm mérito, ainda que esporadicamente.

acrescento maniche e manuel fernandes.

Pedro Pita disse...

Caro Petinga,

Cada um tem as suas opiniões, mas parece-me que o facciosismo lusitano a ver futebol é histórico, e assumiu neste caso proporções quase ridiculas. Quer ver um exemplo do que falo? Vejamos os votos dos selecionadores e capitães de Portugal e da Argentina. Maradona e Marscherano não podiam votar em Messi, e Nuno Gomes e Queiroz não podiam votar em CR7. A diferença é que a mentalidade terceiro mundista quer do nosso treinador quer do nosso capitão os impediu de votarem em Messi, ao passo que os argentinos votaram em Ronaldo e em primeiro lugar- como é natural pois ninguém com dois olhos na testa duvida que se tratam dos dois melhores jogadores do mundo da actualidade. Caramba era só um concurso, não era própriamente a pátria em risco! Ganhasse quem ganhasse não morria ninguém. E digamos que os argentinos saem muito melhor desta fotografia que nós( as escolhas de Nuno Gomes são absolutamente surreais!!! Escolher como melhor do mundo um avançado que esteve metade do ano lesionado?!). Não é politicamente correcto dizer isto, mas quando se trata de bola às vezes somos completamente cegos. Fez lembrar os tempos em que eramos os únicos do mundo a preferir Eusébio, um monstro sagrado, a Péle- o único jogador capaz de rivalizar com Maradona no estatuto de melhor jogador de sempre. É por estas e por outras que Portugal continua a ser um país atrasado. E isso a mim pessoalmente doí-me. E doí-me verificar que a porcaria de mentalidade de chico espertinho de trazer por casa é tomada com total indeferença pela esmagadora maioria dos nossos compatriotas, e quem sabe se secretamente aprovam a atitude. O selecionador espanhol, por exemplo, entre Ronaldo e Messi, o maior simbolo actual da Liga Espanhola, preferiu o português e não consta que tenha sido despedido por isso. Assim agem os países desenvolvidos. Assim como agimos nunca iremos a lado nenhum, digo eu.

Um grande abraço

Pedro Pita disse...

Só para concluír o assunto, Maradona disse hoje isto:

«Messi é o melhor jogador do mundo. Não votei nele porque um argentino não pode votar num argentino. Quem não o sabe é um animal. Porquê elegeram o Cristiano Ronaldo se Messi é o melhor?»

À parte de, a meu ver justamente, indirectamente ter classificado de animalesca a atitude de Queiroz e Nuno Gomes, mostrou que o meu ponto de vista não era assim tão estranho, nem tão pouco descabido. Claro que a crítica dele é bem mais dirigida- quer directamente aos nossos, quer indirectamente a outros- , e voltou ao seu típico discurso rebelde e anti-sistema. Mas não julguem que vivemos sós na aldeia global. Eu por exemplo recebi, e por isso sei do que falo, mensagens advindas de familiares castelhanos, adeptos do RM, que eram de um gozo total com as nossas escolhas- camparando-as outras ainda mais bizarras, de países bem mais sinistros que o nosso, que escolheram Ballack...-, sobretudo com a escolha de Nuno Gomes!!! Eis o futebol português no seu explendor. Até na vitória, pois Ronaldo ganharia mesmo que Messi tivesse tido os nossos votos, somos maus ganhadores, digo eu.

Um grande abraço

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...