sábado, 21 de fevereiro de 2009

Grande jogo, grande exibição, grande vitória!

Um grande jogo de futebol, talvez o melhor desta Liga Portuguesa 2008-2009, digno, portanto, de um grande clássico entre o Sporting e o Benfica, com grandes golos e uma grande entrega das duas equipas. Uma excelente exibição da equipa leonina, talvez a melhor da temporada, que venceu por 3-2, banalizou os “encarnados” e continua, assim, na rota do título nacional.
Na semana decisiva da temporada no que diz respeito à Liga Portuguesa, e com um compromisso para a Liga dos Campeões frente ao Bayern de Munique pelo meio, o Sporting conseguiu a vitória que ambicionava, para não perder mais pontos para o FC Porto, mas, o que também é muito importante, uma vitória assente num futebol de grande qualidade, sendo capaz de influenciar positivamente o balneário leonino nos jogos decisivos que se aproximam.
É caso para perguntar, onde é que Paulo Bento tinha guardado este Sporting, competente e ambicioso, genial e destemido, esforçado e glorioso, confiante e intenso... Não houve um Sporting a dormir em pé na primeira parte e um Sporting a correr atrás do prejuízo na segunda. Neste jogo decisivo contra o Benfica, o Sporting foi uma equipa que praticou um futebol total, do primeiro ao último minuto, atacando e defendendo com grande sentido colectivo, com os seus jogadores a ocuparem os espaços de forma brilhante, sempre com grande agressividade sobre a bola, chegando a ela quase sempre antes dos benfiquistas. E se uma equipa não consegue ter a bola também não consegue construir jogo. Foi o que aconteceu ao Benfica em quase toda a segunda parte, na qual a equipa do Sporting poderia ter construído uma goleada histórica, tal o número de oportunidades de golo desperdiçadas. Mas o jogo só foi verdadeiramente decidido quando a equipa leonina chegou ao 3-1, já no último quarto de hora, em resultado de uma obra-prima fabricada por Bruno Pereirinha e concluída por Liedson.
O Sporting da segunda parte foi quase perfeito, pelo modo como impediu a construção benfiquista, pressionando no campo todo, e, sobretudo, por ter gerado uma torrente de futebol ofensivo verdadeiramente avassaladora, que, com um pouco mais de eficácia, poderia ter sido suficiente para construir uma goleada histórica. O 3-2 final é, por isso, um resultado enganador, uma vez que o Benfica foi tremendamente eficaz, marcando dois golos, um deles de grande penalidade, em cinco ou seis vezes que se aproximou da baliza de Tiago com perigo iminente.
O Sporting definiu a vitória logo na abertura do segundo tempo (um grande golo de Derlei, servido por um passe longo de Anderson Polga, que, assim, se redimiu da grande penalidade que provocou ao ter derrubado Suazo). Derlei que entrara para o lugar do lesionado Hélder Postiga, o que beneficiou a dinamização do ataque leonino. Isto depois de uma primeira parte disputada em grande ritmo, em toada de parada e resposta, sem que nunca se tivesse verificado um domínio claro de uma equipa sobre a outra.
O Sporting inaugurou o marcador, aos 10’, através de um golão de Liedson, na sequência de um pontapé-de-canto. O Benfica empatou através de grande penalidade, aos 37’. A primeira parte terminou empatada (1-1) e com a equipa de arbitragem, liderada por Olegário Benquerença, a prejudicar gravemente o Sporting: a primeira das escassas oportunidades do Benfica (cabeceamento de Yebda ao poste de Tiago) nasceu de um livre inexistente, pois Pedro Silva não derrubou Reys, e, aos 40’, Maxi Pereira cortou a bola com o braço bem exposto e não foi marcada a respectiva grande penalidade. Mas na segunda parte fez-se justiça.
A vitória leonina tem ainda o condão de colocar as duas equipas de Lisboa em igualdade pontual e, portanto, ambas a pressionar o FC Porto, pelo que está tudo em aberto quanto ao título. E se Paulo Bento conseguir manter a equipa a jogar com esta qualidade e com esta atitude, então sim, o Sporting é o mais forte candidato a ser campeão nacional. FOTO: AFP - Getty Images

28 comentários:

Famaleao disse...

SLB.....SLB....
SLB, SLB, SLB
SLB....SLB...
SLB (Só Liedson Basta)!!!!!!

as velas ardem ate ao fim disse...

Ganhamos!

Sporting até morrer!

um bjo

Anónimo disse...

Um banho de futebol fói o que os galinaceos levaram,Liedson O DEPENADOR DE AVES em grande,Derlei um golo ENORME,deu gozo ver o Pereirinha sentar o Palhaço do David Lulu e ainda dizem os galinaceos que o Davi Lulu é muito bom hahahahahahah. fói pena o Ólarápio Benqurença ter roubado uma grande penalidade feita por Maxi.

pedro oliveira disse...

Conseguimos vencer o campeão de Inverno, oxalá consigamos fazer o mesmo ao campeão da Alemanha e ao campeão da república portuguesa... não é fácil defrontar três campeões de seguida.

JC disse...

Bate leve, levemente como quem chama por nós! E vão dez batidas do levezinho - tanta batida, faz mossa...Hoje foram duas...um twix lol

Anónimo disse...

Hoje vale a pena ser do Sporting Clube de Portugal.Sempre fui deste é por este que me bato e nunca pelo da SAD.
Grande jogo,grandes golos e uma atitude como este ano ainda não tinha visto
Até o Roca parecia um jogador veloz.
Parabéns jogadores do Sporting.

Vila Franca disse...

Ganhámos e ganhámos bem, mas mais uma vez o malquerenças nos tentou f...Como é possível não marcar aquele penalti, quando ele está bem de frente para o defesa lampião??? Enfim, o costume...

António disse...

Que bela jogatana de futebol! De uma primeira parte equilibrada passámos para uma segunda parte em que só jogou uma equipa, em que o Sporting deslumbrou e esmagou um Benfica que mal cheirou a bola. Aos 3-1, parecia que o Benfica estava a defender o resultado. Razões para tão grande supermacia? Serão muitas certamente, mas destaco aqui 3 que me parecem bem relevantes:

1. O Benfica iniciou o jogo com 5 jogadores que só este ano chegaram a Portugal: Sidnei, Yebda, Reyes, Aimar e Suazo. Quando individualmente as coisas saiem bem, como nas Antas, a coisa disfarça. Mas contra uma equipa coesa e com mecanismos sólidos o Benfica tem geralmente muitas dificuldades. Aconteceu hoje, acontece em muitos jogos contra equipas menores do campeonato, aconteceu na taça Uefa.

2. Liedson. O Sporting mantém há já alguns anos este fabuloso ponta de lança, à custa de esforço financeiro, de muito carinho da Direcção, da equipa técnica e dos adeptos. Quando não há muito dinheiro para segurar jogadores, há que apostar na boa gestão de recursos humanos. Um jogador que se sinta acarinhado, que perceba que o clube está a pagar tudo o que pode, é capaz de abdicar de mais uns cifrões para ser feliz.

Por outro lado, o Benfica investiu o ano passado 9 milhões num belíssimo ponta de lança, Cardoso. E o que fez de um ano para o outro? Recompensou Cardoso com o banco, com o estatuto de figura de segundo plano. Em detrimento dele apostou em Suazo, um jogador emprestado que apesar de potente e com inequívocas qualidades, não fez ainda a mínima sombra ao que Cardoso mostrou o ano passado. É compreensível esta forma de gerir as expectativas de um jogador? Pensem nisso.

3. As propaladas vedetas Reyes e Di Maria. Somando os 90 minutos do primeiro e a meia hora do segundo, esses 120 minutos não chegaram aos calcanhares dos 10 minutos do humilde Pereirinha. Pensem também nisso, benfiquistas.

Um abraço,
http://bolaseletras.blogs.sapo.pt/

António

Leão de Quiosque disse...

Não foi uma vitória de Manuel José nem de Scolari, foi uma vitória da continuidade, da segurança, da estabilidadade e do trabalho. Somos uma grande equipa porque temos um grande treinador!
Já agora, ainda ninguém falou nisso, mas aquele golo de Cardozo no fim não nos lixou o "factor de desempate"?

Soylent Green disse...

Só tenho pena do Derlei se reformar no fim da época. Vai fazer falta nos jogos contra os passarocos.
Espero que na final da Taça da Liga repita a dose.

Gnitrops disse...

Só 3-2!

Peca por escassa a vitória do Sporting sobre o Benfica, tal o domínio e a superioridade leonina durante o jogo. A 2ª parte assistiu-se a um autêntico banho de bola e a um festival de oportunidades de golo desperdiçadas pelo Sporting. Liedson foi mais uma vez decisivo, ao apontar 2 golos, o 10º contra o Benfica em 12 jogos.

Mais uma vez, tivemos que ganhar contra tudo e contra todos! Nem em casa nos respeitam...

4ª e Sábado há mais!!

SL

Jedi Master Atomic disse...

O Polga a enterrar de novo !!! Fonix.....Carriço/Tonel tem que ser a nossa dupla de centrais.

Quanto ao resto, fizemos um optimo jogo e o resultado pecou por escasso.

Pai da Leoa disse...

Esclarecimento:

o 2-3 não nos lixou o desempate, pois o 1-3 já nos tramava...

...no Site da Liga, entrem no Regulamento de Competições e vejam entre o fim da página 6 e o início da página 7, que ao contrário da Federação, a Liga, tem nas provas de pontos, o sistema das eliminatórias das provas uefeiras.

Pai da Leoa disse...

Além de que, mesmo sem a cena do "golo fora", o critério seguinte seria a diferença de golos total...


...e aí, não oferecemos grande credibilidade!!!

A defesa sofre pouco, mas o ataque não marca assim tantos.

Soylent Green disse...

O desempate com os lamps não interessa. Com os andróides é que pode vir a ser determinante.

Gouveia disse...

Parabéns a todos os Sportinguistas (e também aos anti-lampiões)!

Grandissima 2ª parte do Sporting após um bom inicio de jogo (bons primeiros 15 m) mas depois do golaço do Leve a equipa caiu...

Ao intervalo o resultado de 1-1 só é compreensivel por estarmos a jogar contra uma equipa que tem uma leiteira que não tem fim...

A 2ª parte é um recital de futebol do Sporting, com uma atitude ainda não vista esta época!

Todos os jogadores estiveram bem, mas é merecido destacar estes:

- Liedson: Vejo futebol há 33 anos (+ coisa - coisa) e hoje em dia coloco-o ao nivel dum Jordão ou dum Manel ou de um Jardel!
É um jogador (não só avançado) verdadeiramente antológico!

Vukcevic: Mais uma vez provou ser indispensável nesta equipa, e com ele incluido desde o inicio do época estariamos certamente mais bem classificados1

Pedro Silva: Pela 1ª vez fez um jogo (90 m) convincente!

Pereirinha: Porque é que o treinador do Sporting não joga num sistema com extremos, quando tem jogadores desta velocidade e qualidade?

Derlei: Fui contra a sua vinda mas neste momento quero que ele jogue mais uma época! Grande entrega, grande atitude, grande golo, grande jogo!

Rochemback: Finalmente um bom jogo deste calão que se quisesse era um dos melhoree jogadores do campeonato!

Izmailov: Só jogou 45 m (no 1º tempo não se viu...)! Mas que 45 m...!


A arbitragem como sempre e para não variar prejudicou mais o Sporting e em lances com possivel influencia no resultado! Muito MANHOSA e com falta de personalidade!

Os lampiões tiveram, diga-se, um resultado excelente:Não jogam NADA, levaram um banho de bola, podiam ter levado 7-1 e ainda lhes saiu a sorte grande com aquele penalti e daquele golo do Matraquilho que pôe-nos em desvantagem em caso de igualdade pontual! Agora era excepcional ir ganhar a casa dos andrades... mas isto de jogar contra 14 é mais dificil...

Em suma: SPOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOTING

leão de arroios disse...

Felizmente o Pedro Silve, o Grimi e, sobretudo, o Rochemback fizeram um jogo bom.
Depois tivemos uma verdadeira equipa durante a maior parte do jogo: solidários, trabalhadores, atentos e com fome de vitória.
O Liedson fez novamente aquilo que nos enche o coração de alegria, com mais dos golos lindos contra o Benfica. O Derlei e a sua atitude guerreira são um exemplo a seguir por todos. O Marat é um jogador que não erra. É incrível. O Simon fez mais um grande jogo e quando o Pereirinha entrou acabámos com as duvidas no resultado.
Que jogador está pereirinha! Gostava de ver o Sporting com o Moutinho a trinco, Pereirinha e Izmailov nas alas e Vuk atrás dos dois avançados.
Amo-te Sporting.

Anónimo disse...

Como tem sido recorrente ao longo desta época, o Benfica não se consegue afirmar perantes equipas fracas.

Anónimo disse...

Este último deve ser um galinaceo xeio de azia xô vá prá capoeira que voçês estão a passar frio póis o Derlei e o Liedson agora deram em depenadores de aves.

Pereirinha disse...

A euforia da grande vitória do Sporting não nos faça esquecer os consecutivos atentados á verdade desportiva que têm acontecido com o fcp...a saber:
braga-fcp
fcp-lamps
fcp-rio ave
paços-fcp

Tem sido vergonhoso...parece que anda tudo distraído e o apito dourado de calhar foi vantajoso para o fcp. Sem as arbitragens facciosas será que o fcp estaria em primeiro?

PG disse...

Sr LdE
De repente passaram todos a serem bons. Vamos ver se para a semana a sua opinião se mantém ou muda outra vez...

Anónimo disse...

O Derlei que eles meteram no lixo continua a facturar...

Obrigado, lampiursos! =D

Anónimo disse...

Uma boa vitoria e uma pergunta que me assola há muito tempo:

Para quando a saída de polga da equipa titular do sporting??

É por demais evidente que este jogador não tem um mínimo de classe para jogar num clube como o sporting. Nos últimos 3 jogos, foram "só" 3 golos á conta desse senhor.Se pensarmos que ao seu lado joga um jovem com idade de júnior, e vermos quem falha sistematicamente, está tudo dito...

Não me lembro de um central tão fraco e que não sofra contestação...Pena não termos um phill bab,um andré cruz ou um luisinho...assim carriço ainnda seria "maior".

fabio disse...

Eu continuo a avisar, mas o Polga lá continua... Não sei onde vamos parar com um defesa central assim... Tonel contra o bayern, por favor, até pelas bolas paradas...

dino gutierrez disse...

Bom dia, um excelente jogo da parte do Sporting e sublinho o q o leão da estrela já aqui escreveu, os derbys entre estas 2 equipas continuam a ser os jogos q mais apaixonam ver e mais empolgantes, os meus parabéns ao Sporting que venceu o "meu" Benfica com todo o mérito e com um espetáculo de futebol que valeu cada euro que se pagou para quem esteve no estádio e continuo a dizer, força com os 2 clubes a pressionar o FCP.
Cumprimentos para todos e saudaçoes Benfiquistas.

Anónimo disse...

Dias depois da brilhante exibição frente ao rival de Lisboa, estranho a ausência de comentários dos »clientes« habituais.

Então não aparece nenhuma sumidade a dizer mal da direcção, a qual apesar de tudo, lá tem conseguido segurar Liedson?

E ninguém vem criticar PB que, esteve muito melhor que o prodígio espanhol?

E malhar no Pedro Silva, no Pereirinha, etc...

Critiquem sempre que acharem que o devem fazer. Mas uma vez por outra, e creio esta ser uma delas, reconheçam que as »coisas estiveram bem».

O Tatebitate

Pedro Pita disse...

O Sporting não é consistente, como todos o sabemos. O Sporting levou um banho de bola do Braga há uma semana, portanto o Sporting não é consistente. Pode-se bem dizer que em Portugal nenhuma equipa o é( para dar o exemplo, que me é familiar, espanhol o Real vai com 10 vitórias consecutivas, e o Barça já fez uma série de 14! A isso chamo consistencia). Mais: Na primeira parte do jogo com o Benfica não jogámos ponta de um corno, e tivemos bastante sorte com o facto do David Luíz ser um horroroso( não estou a exagerar na expressão...) defesa-esquerdo. Paulo Bento para mim não passou a ser Rei Midas nenhum depois de Sábado, e digo desde já que temo que se passe da depressão à euforia, e vice-versa. A origem de todas as tragédias nasce deste tipo de instabilidade- e apenas o equilíbrio pode ser gerador da fortuna e da verdadeira vitória. Assim devemos dizer que todas as critícas à equipa foram justissimas, tal como todos os elogios o são agora- depois de uma ENORME segunda parte. Não se armem em facciosos ou em parvos, dizendo que eramos todos uma cambada de tragloditas e de idiotas. Pergunto eu: algum de vós não imaginou correr com Paulo Bento depois do jogo com Braga?! Eu,que não sou nem hipócrita, nem poeta lírico, digo-o com sinceridade: Não conheço um ÚNICO sportinguista que tenha defendido o bentinho há uma semana, nisso me incluindo. Depois de ganhar ao Benfica subiu uns pontinhos na minha consideração, mas para ser um grande treinador terá que ganhar ao Bayern( que aliás está uma lástima! Alguém viu a bodega do jogo com o Colónia?!) e ao FC Porto( neste caso se os árbitros deixarem...). Mas sobretudo terá que ter aquilo que não tem tido: consistencia. Terá que ser sólido e fiável, que é tudo o que o Sporting não é há quase duas épocas. Uma equipa consistente é aquela que joga com o Trofense exactamente como o faz com o Benfica.

Um abraço

Ps 1: Quanto ao jogo direi que fizemos uma segunda parte de sonho, que podia e devia ter acabado com o Benfica goleado. Na 1.ª parte estivemos fraquinhos, Liedson à parte.

Ps 2: Grandes, grandes, foram golos de Liedson! O primeiro é "apenas" o melhor golo do campeonato em curso.

Ps 3: Polga esteve muitissimo bem, quer a cortar as inumeras baldas que o puto do lado dava( Carriço, digam o que disserem os jornais desportivos- que aliás servem os interesses de quem quer vender jogadores-, ainda não tem categoria para jogar no Sporting. Se alguém devia saír para entrar o Tonel era Carriço.), quer a iniciar o jogo da equipa. Falhou no penalty deles, emendou dando em bandeja de ouro o 2-1 ao Derlei. Polga para mim tem crédito para errar, porque tem atrás de si cinco anos de ser o mais regular jogador do Sporting. Polga tem tudo aquilo que falta ao actual Sporting: consistencia e categoria. Se destoa é por isso, e para além disso, ou melhor muito mais importante do que isso!, devia ser o Capitão- e não o javardo do Moutinho, um vendido e um sabujo que não tem moral sequer para envergar o nosso emblema ao peito, quanto mais para ser o capitão, ou haverá aqui alguém que tenha memória curta?!

Ps 4: Ganhar contra 12 soube bem.

Anónimo disse...

a ganda SCP, continua a darme alegrias assim

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...