sexta-feira, 27 de março de 2009

O diagnóstico de Luís Aguiar de Matos

“Está equacionada uma candidatura [à presidência do Sporting] encabeçada por mim, mas ainda não tomei a decisão definitiva. Só a tomarei depois do congresso e depois da assembleia geral, que vai decidir a emissão dos VMOC [valores mobiliários obrigatoriamente convertíveis, que configuram um aumento de capital da SAD], no âmbito do plano de reestruturação económica apresentado pela actual direcção. A minha decisão está dependente de ver bem o que os sportinguistas querem para o clube e se isso está de acordo com a minha visão.]

“Eu sou contra a emissão dos VMOC, que na prática são um empréstimo obrigacionista que, ao fim de cinco anos, se transforma em acções da SAD. Numa linguagem simplista, um empréstimo obrigacionista, no verdadeiro sentido, tem de ser devolvido em dinheiro dentro de um determinado prazo, neste caso é convertido em acções. De momento, o universo Sporting participa na SAD com 70 por cento de acções. Para manter a maioria accionista, terá de acompanhar o aumento de capital resultante da conversão dos VMOC. Será preciso pôr alguma coisa de valor, de palpável, dentro da SAD para que a banca torne firme um empréstimo obrigacionista destes. Por isso é que querem transportar a Academia e, mais tarde, o estádio para a SAD. O que significa que o clube perde mais duas fontes de receitas.”

“Está a ser hipotecado o futuro. Faz lembrar um bocado a história do Freeport: esta direcção está em gestão e não pode tomar grandes decisões. E [o plano de reestruturação económica] é uma decisão importante e profunda, que pode condicionar decididamente o futuro.”

O que tem sucedido é uma sucessão dinástica na direcção do clube. Começou no Pedro Santana Lopes, que era o "testa-de-ferro" de Roquette. Seguiu-se o próprio Roquette e depois Dias da Cunha. Tudo por cooptações. O próprio Dias da Cunha chegou a dizer que a presidência seria assumida transitoriamente por Soares Franco, para depois assumir o cargo Ernesto Ferreira da Silva. Isto não é uma sucessão dinástica? A mim, dá-me a impressão de que estão todos a tapar-se uns aos outros. De quê? Não sei. Mas também deixo aqui uma pergunta: esta direcção, que disse e propalou que tinha sido a salvadora do Sporting, foi também aquela que de maior encaixe financeiro dispôs na história do clube. Entre a venda de património não desportivo (46 milhões de euros), o retorno da venda do passe de Nani (25 milhões), três idas seguidas à Liga dos Campeões (30 milhões) e as receitas decorrentes da venda dos terrenos do antigo estádio (29 milhões), encaixaram 130 milhões de euros, mas na Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) está declarado que o abate ao passivo cifrou-se em quatro milhões, o que representa três por cento desse valor. Onde está o resto? Não estou a dizer que alguém o tenha, mas aquilo que duvido é que tenha sido bem utilizado. Isto foi um autêntico Euromilhões e não há nada mais para receber, a não ser as receitas correntes e triviais.”

“Na altura em que o projecto Roquette foi apresentado dei uma entrevista onde afirmava que estava a ser constituído um emaranhado tal de empresas que impossibilitaria, no futuro, alguém de saber qual era a verdadeira situação económica-financeira. Esta teia de empresas permitiu uma engenharia financeira e contabilística, com resultados transitados de um lado para o outro, com a qual não concordo.”


“Verifico que uma grande maioria dos membros do Conselho Leonino eleitos pela lista de Soares Franco são, ou foram, funcionários de topo do BES. O mesmo acontece no Conselho Fiscal, onde está [José Maria Espírito Santo], Ricciardi [vice-presidente deste órgão]. Repare na similitude das situações: quando é que Soares Franco diz que se vai embora? Quando o BES diz que, face à crise que assola o mundo, irá cortar com os financiamentos para o futebol depois desta temporada. O dr. Filipe Soares Franco, com todo o mérito que terá e que eu não lhe nego, sempre tem gravitado em empresas que são maioritariamente detidas pelo BES. Portanto, em relação à pergunta que faz, considero que esta familiaridade não é desejável. Nas últimas eleições, a candidatura encabeçada pelo juiz desembargador Sérgio Abrantes Mendes considerou mesmo Soares Franco um "empregado do BES".”

“[Se fosse presidente do Sporting, a continuidade de Paulo Bento] seria uma hipótese a equacionar e que não estaria de todo posta de parte.”

Luís Aguiar de Matos, conselheiro leonino e membro da organização do Congresso do Sporting, “Público”, 27-03-2009
FOTO: "Record Online"

24 comentários:

Lagartão disse...

Ilucidativo para quem ainda tem dúvidas. E muito preocupante...

TAS disse...

Luís Aguiar de Matos é o único eventual Candidato, fora da continuidade, com credibilidade efectiva junto da Banca. Além do mais, não tem de estar à espera dos apoios financeiros nem da boa vontade deste ou daquele (individuo ou grupo). Desta forma, nunca ficará refém de ninguém, nem será manietado por ninguém.

Óbviamente que precisa que os Sócios o apoiem.

Mas isto de ser Candidato não é apenas para quem quer; É sobretudo para quem pode! E Aguiar de Matos réune as condições e as permissas necessárias para ser Candidato.

M Lopes disse...

Pergunta-se e muito bem. Onde está o resto da massa? O presidente do Sporting ganhou as últimas eleiçoes afirmando que o passivo do clube, na altura,era na ordem dos 230 milhões e com a venda do património não desportivo e desbloqueada a questão dos terrenos com a CML, a dívida baixaria consideravelmente para um nível controlável de 150 milhões de euros, salvando-se assim o Sporting e tornando-o num clube forte e saudável.
Recentemente e a propósito do empº de 50 milhões convertíveis em acções, o Sr Presidente falou para quem o quis ouvir, que essa operação visava salvar o clube (quantas vezes já ouvi esta treta?) blé, blá e que a divída actual se fixava nos 280 milhões de euros. Ora isto significa que a dívida aumentou em 50 milhões durante o seu mandato, o que não deixa de ser surpreendente face aos encaixes extraordinários financeiros realizados que, segundo o Dr Aguiar de Matos, totalizaram 140 milhões de euros.
Nisto tudo há qualquer coisa que não encaixa sendo caso para perguntar: onde foram aplicados os 140 milhões e porque razão a dívida ainda aumentou em 50 milhões de euros? Há qualquer coisa que não está correcto neste filme.

Renman disse...

Foi só um dos vices da direcção de José Sousa Cintra. A Tal que alem de resolver q o SCP n merecia ganhar campeonato ( despediu Robson com SCP em 1º lugar), ajudou a cavar o buraco financeiro do SCP...e levou a q o clube tivesse de ser salvo por quem ele agora critica ( Roquette principalmente).

Logo não me parece sequer que saiba e tenha categoria para ser presidente de um clube cm o Sporting Clube de Portugal

LEÃO DO SUL disse...

E a quebra nas taxas de juro não fez baixar o défice?...

menino gilinho disse...

Seria um muito bom candidato e, acima de tudo e ao contrário do cabra-alta, SPORTINGUISTA!

Gouveia disse...

Em relação à entrevista de Aguiar de Matos: para quem o conhece não é uma surpresa aquilo que afirma e a postura que adopta! É hoje em dia uma reserva moral, das poucas que o clube ainda possui, e se entender avançar para uma candidatura dever-se-á rodear de outras personalidades verdadeiramente Sportinguistas (Isabel Trigo de Mira é uma delas) para criar um colectivo forte de união e de consenso. Em relação às suas ideias espera-se uma maior divulgação!

Não entendi a tirada da AG referendária...

Renman,

"...ajudou a cavar o buraco financeiro do SCP...e levou a q o clube tivesse de ser salvo por quem ele agora critica ( Roquette principalmente)...."

Com frases destas você só pode ser uma de duas coisas: ou imbecil ou analfabeto!

olho de boi disse...

Pelo menos, não é da continuidade e reaviva um pouco a esperança da mudança que se impõe e do fim do "reinado" destes vigaristas que lá estão.

Fico à espera para ver o projecto.

Tite disse...

Tudo o que seja cortar com a actual SAD e interesses bancários (BES entenda-se) cruzados é bem-vindo. Os Bancos nunca emprestaram dinheiro pelos nossos lindos olhos, cobram juros e bem pesados.

Não creio que estejam interessados nos imobilizados do Sporting mas em tudo o gera bom dinheiro. Se puderem ter lá os seus testas de ferro então será ouro sobre azul.

Gostaria de ter Dirigentes no nosso clube, como antigamente, que o gerissem com Paixão e Amor e não o sugassem por puro interesse.

Será que ainda cá estarei mais 10 anos para o ver transformado em Banco?

Anónimo disse...

Renman preferes os empregados bancários.Ao menos este não é dependente dos administradores dos bancos.Estes é que andam atràs del para ele meter o seu dinheiro nos seus bancos.E mais foi Aguiar de Matos se opôs a Cintra que este pagasse contas pessoais com dinheiro do Sporting e pedisse dinheiro em nome do clube.Por isso lhe atirou um copo de wishky às trombas.
E segundo penso saber tem todo o apoio do BCP o grande credor do Sporting e não o BES que estes artistas dos nossos dirigentes nos querem fazer crer.

Sporting Sempre disse...

Ao contrário, penso que Aguiar de Matos tem poucas condições para ser presidente do Sporting. Uma coisa é ser contra as ideias dos outros. Há muitos no actual Sporting. Outra é ter soluções. E disso poucos (ou nenhuns...) falam.
Aguiar de Matos não apresentou uma única ideia, uma via de sustatentabilidade, uma alternativa desportiva ou financeira. Ou seja, o vazio. Espero mais de um candidato à presidência do Sporting.

Silva disse...

parece-me que neste momento é mais importante ver a merda que fizeram e não repetir, do que ter ideias e más como a do Soares Franco, esse pelintra!

Anónimo disse...

Ao Renman só queria relembrar ou dar a conhecer que o tal Sousa Cintra tão maltratado pelo barões de Alvalade, apesar de ser um pato bravo, foi o único que teve a coragem e o sportinguismo de pegar num clube que estava financeiramente desacreditado e a quem já nem os hotéis concediam crédito, enquanto os sportinguistas "importantes" e bem nascidos se esconderam entretidos a dizer mal dele. Há muita gente com a memória fraca também no nosso clube...

Anónimo disse...

Aguiar de Matos??!! Presidente??? Mais um que esteve no Sporting e 0 títulos.
Realmente o SCP ainda tem muitos idiotas que embarcam nestas ideias absurdas!!! Enfim...
Ao menos ainda põe a possibilidade de manter Paulo Bento (deve ser porque sabe que a esmagadora maioria dos sportinguistas adoram o P. Bento).

1983-1994
0 Campeonatos
0 Taças de Portugal
1 Supertaça

Quanto ao Projecto Roquete e afins
1995 - 2008
2 campeonatos
4 taças de Portugal
4 ou 5 supertaças
1 final da Uefa

A diferença é notória e só um idiota diz mal do Projecto Roquette e afins. É claro que a parte do imobiliário não teve o sucesso que se pretendia. Mas e o estádio novo? E a academia?
Todos os clubes estão com dificuldades mas o slb tem um passivo bem maior e a situação do porto é, ao contrário de que muitos pensam, muito crítica (só dividas a vencer em 2009 são 70 milhões de euros).
Mas enfim, todos têm direito à sua opinião, mesmo que seja ridícula.

Leão de Coimbra

Mourinho disse...

Tem muitos muitos telhados de vidro, e para quem tanto fala gostava que falasse um pouco sobre o seu passado na direcção de Cintra. E já agora o seu comportamento nas ultimas eleições primou por tudo menos pela lisura. Por mim espero bem que apareça outro ou outros candidatos, porque este não me merece o voto.

Anónimo disse...

Mas as dívidas e o buraco financeiro foi Roquette e os seus pares que o contrairam.
As grandes negociatas aconteceram com ele e seus pares e a venda de património também.

leão de pombal disse...

Leão de Coimbra;

não vai mais mesa para o vinho do canto...

Filipe Marinhais disse...

Não sei se este sr. Luis de Matos tem categoria e competência ou não para ser presidente do Sporting, mas realmente vir aqui dizer mal dele só porque esteve na direcção de Sousa Cintra demonstra a idoneidade de quem escreve isso. E como também um anónimo escreveu antes, foi esse mesmo Sr. Sousa Cintra que pegou num clube nas lonas e se atravessou nos bancos para que o Sporting voltasse a funcionar enquanto os barões da 5ª coluna lavavam as mãos e lhe cortavam na casaca nas tertúlias. Pois, essa é que é a verdade.

Orlando Teixeira disse...

Desde a sua efémera e cinzenta passagem pelos órgãos sociais do clube, só ouvimos falar de Aguiar de Matos na imprensa, pois o seu silêncio dentro do clube é ensurdecedor.
E como nessas aparições só fala mal do clube, dos dirigentes, dos técnicos e dos jogadores, naturalmente não se afigura personagem ideal para liderar o Sporting, Clube de Portugal.
Todos os que lestos se aprestaram a falar à imprensa contra o clube, não prefiguram credibilidade para o alto cargo de Presidente.
Não vai ao Congresso que é um espaço de sportinguistas, mas tem tempo para dar entrevistas contra o Sporting.
Só por insanidade mental ainda ligam a nomes destes.

Mourinho disse...

Ninguêm disse mal "apenas" por estar na Direcção de Cintra foi dito para quem tiver memória e conhecimentos para, tentar lembrar se desse tempo, julgo que é substancialmente diferente de dizer mal apenas por dizer. Eu como tenho memória, o meu voto terá outro destino certamente e quanto ao resto quem sabe sabe quem não sabe tente informar se.

leão do sul disse...

SR. ORlandio TEIXEIRA não sabe o que diz. O Sr. Engº Luís Aguiar de Matos está no congresso. Aliás, está na organziação do congresso.

Anónimo disse...

Isto de se atirar o barro à parede dizendo que depois logo se vê não é de quem, verdadeiramente, quer ser presidente do Sporting. Depois, essa história de estar bem posicionado na banca é o melhor cartão para não ser a pessoa certa. Primeiro, por que ninguém vai meter dinheiro do seu bolso e segundo quem não percebe que a marca Sporting e o número de adeptos é o caminho da salvação, desde que se queira servir o clube e não o contrário, não percebe nada.
Já ouvi, também, Abrantes Mendes a dizer que talvez avance. Ora isto demonstra que em termos da chamada oposição vai uma grande confusão e por isso: organizem-se!

Anónimo disse...

O sistema tentou lançar José Bettencourt para assegurar a continuidade do "negócio". Mas Bettencourt, que é um homem inteligente,demarcou-se, e bem, da situação. Ele conhece bem a realidade actual do Sporting e não brinca em Serviço. É que para aceitar o convite envenado ele tinha que usar o antídoto e esse virava-se contra os seus "amigos".
A oposição tem agora o caminho aberto, mas tem que apostar na unidade e na pessoa certa e essa é, sem dúvida, Isabel Trigo Mira. Conhece o clube , os sportinguistas gostam dela, tem equipa para tratar bem do Sporting e motivar os milhões de adeptos. Tem gente que dará as garantias que a banca precisa. Isabel é a aposta certa para um Sporting com futuro.

Orlando Teixeira disse...

Caro Leão do Sul

Refiro apenas o que li na imprensa (que ele tanto preza) na qual afirma que não vai ao Congresso porque não alinha em apoteoses à continuidade.
Hoje já li que esteve presente e que opinou quanto ao modelo que quer para o clube.
Admirei mais o que disse José Eduardo Bettencourt: Falm muito, falam e falam e não dizem nada. Confio na maioria silenciosa do clube que (acrescento eu) ama o clube sempre, nas boas e nas más horas, amando-o de forma racional e por isso, de forma perene-
Já quem ama com paixão, exibe-se como sportinguista nas vitórias e envergonha-se de o ser nas derrotas, pois só entendem um clube como vencedor. Pena não terem escolhido outro clube, mas a avaliar pelo estudo publicado esta semana, a influência familiar não o consentiu. Para se ser vencedor não é fundamental ter paixão, é fundamental escolher caminhos para chegar ao objectivo. e isso é ser racional.
Apoios da Banca? Paga como? Com os passes dos jogadores? Com a penhora da Academia?
Se pensarem em vez de clamarem excitados, vão ver que os tempos actuais não toleram vias de gente aventureira. É só ver as regras que vão ser implementadas pela UEFA no controlo aos clubes.
Já agora, para um dos 99.99% de anónimos que por aqui passam escondendo a sua identidade, o único cartão de visita que Isabel Trigo de Mira apresenta é a sua ligação às Delegações e Casas do Leão espalhadas pelo País. Tirando isso, o que já fez pelo clube?
Quanto ao tema da marca Sporting, é de alguém que anda distraído. Bastaria olhar para o outro lado da Segunda Circular para perceber que é conversa de pneus. Pois, bem sei, não conhecem as contas dos rivais, o que é um bom ponto de partida para avaliar a nossa gestão.
Em tempo oportuno responderei ao tema principal sobre as novas propostas.
Saudações leoninas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...