quinta-feira, 5 de março de 2009

O vinho do título 1999-2000

Esta é uma garrafa de vinho da região do Douro (o Porto não produz vinho e as adegas até estão na margem sul do rio, em Vila Nova de Gaia...), de uma colheita muito especial: a do ano 1999-2000, que marcou o regresso do Sporting Clube de Portugal ao título de campeão nacional, após um jejum de 18 anos. Ofereceram-ma há uns anos, premiando o meu sportinguismo, e conservo-a religiosamente. Como quem conserva uma relíquia. Haja mais títulos para mais garrafas como esta. [CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIAR]

8 comentários:

Anónimo disse...

Jejum de 17 anos, não 18.

Anónimo disse...

Boa Pinga.

Já agora, aproveito para publicitar a reactivação da filial nº25 do nosso grandioso clube, o Sporting Clube de Macau.

Para saber notícias dos sportiniguistas que estão do outro lado do mundo visite:
http://sportingclubemacau.blogspot.com/

Saudações Leoninas

Aurélio Estorninho disse...

devias ter aberto a garrafa para festejar os 5 secos do bayern...

Anónimo disse...

1º Anónimo e Aurélio, vão apanhar na bilha.
Em relação à garrafa, também tenho lá uma, mas custou-me 15 contos. E ainda está à espera de ser aberta.

Anónimo disse...

É bem certo que o chamado vinho do Porto não o é porque o Porto não tem vinho,ele é originário da região da Régua onde muinta gente lhe chama vinho Fino.uma vêz parei junto a uma dessas adegas e pedi á sra.que me atendeu uma garrafa de vinho do porto e ela respondeu-me ;não tenho nem á esse vinho, á é vinho fino se quizer eu vendo,mas do Porto não á nem nunca ouve,o que existe é :colocam esse nome no vinho que nunca tiveram porque não o produzem.

Anónimo disse...

É uma bela pomada comemorativa de um grande título. Para voltarmos a conquistá-lo teremos de criar condições para que haja um presidente à Sporting. E só há uma pessoa capaz de unir os sportinguistas e devolver ao SCP o estatuto de clube livre e independente: ISABEL TRIGO MIRA, pois claro. Conhece bem o Sporting, é querida dos sócios, adeptos e atletas, e com uma equipa competente será o rosto do orgulho sportinguista. Vamos apoiar a única pessoa capaz de tirar o SPORTING do fundo onde bateu. MIRA (Movimento Regresso Isabel Alvalade.Vamos convencê-la a aceitar este desafio.

Aurélio Estorninho disse...

grande ignorancia!
um dia se quiserem eu explico pq é as caves são em gaia, e pq é que se chama vinho do Porto.

agora por favor não caiam no ridiculo de dizer que o vinho do Porto não existe, é produzido no alto douro vinhateira mas é comercializado com o nome PORTO.

Mais uma vez peço a vossas excelencias, que não confundam a obra prima do mestre com a prima do mestre de obras, ou seja distingam o FC PORTO da MUI NOBRE E SEMPRE LEAL CIDADE INVICTA DO PORTO.

p.s. em lisboa nem vinho nem agua...

Pedro Pita disse...

Não gosto de vinho do Porto. Portugal tem tantos e tão bons vinhos, que acho pobre reduzir-se a nossa riqueza vinícula a um vinho inventado e explorado pelos bifes. Prefiro os tintos alentejanos, do esporão ou de pias, por exemplo, o vinho alvarinho, os bons vinhos novos que se fazem no sado, os novos vinhos do dão, e até os vinhos do douro, enfim vinhos muito mais portugueses que o vinho do porto. Confinar Portugal ao vinho do Porto, que até nem do Porto é, é coisa para os bifes! Para além disso o Porto tem tanta coisa bonita( a começar pela beleza da cidade e pelo calor do seu povo, e acabar no Rui Rio... Eh eh eh!), que é muito redutor falar-se apenas no seu vinho como seu simbolo.

Dito isto achei a ideia gira, reveladora de sentido de humor da parte de quem fez a oferta. Haverá alguma ocasião em que pense abri-la, caro LdE?

Um abraço

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...