sábado, 18 de abril de 2009

Sócios chumbam referendo

Apesar da forte campanha mediática em favor das suas teses, o presidente do Sporting, Filipe Soares Franco, voltou a sofrer uma derrota em Assemblea Geral (AG), ao não ter obtido a maioria qualificada de 75 por cento dos votos que era necessária para aprovar uma norma transitória nos estatutos do clube que iria introduzir a figura do referendo (sem o período de debate que as assembleia gerais tradicionais contemplam), como meio de aprovar medidas importantes para a vida do clube, como, por exemplo, o plano de reestruturação financeira.
Esta noite, reunidos na Sala Tejo do Pavilhão Atlântico, em Lisboa, os sócios do Sporting chumbaram a possibilidade de a reestruturação financeira proposta por Soares Franco ser votada em referendo. Apesar de 72,45 por cento dos votos expressos em Assembleia Geral terem sido favoráveis à realização de referendo, a AG que servirá para aprovar a proposta vai realizar-se nos moldes tradicionais.
Para que o referendo fosse aprovado, era necessário que a proposta de Franco tivesse alcançado três quartos dos votos, o que implicaria uma percentagem de 75 por cento. Com 10.270 votos a favor e 3.781 contra, o referendo ficou a curta distância de ser aprovado. A este universo de votos corresponde um total de 1996 votantes, tendo cada qual números diferentes de votos consoante a antiguidade de filiação.
Entre os sócios presentes, o percentual de aprovação foi ligeiramente inferior, ao ter recolhido 69,7 por cento dos votos, igualmente abaixo dos 75 por cento, enquanto a percentagem de sócios presentes que chumbaram a introdução do referendo foi de 29,3 por cento.
Esta foi a segunda derrota do presidente leonino em menos de um ano. A outra tinha sido em 28 de Maio de 2008, como se recorda aqui. É talvez por isso que Soares Franco não gosta nada de reunir com os associados em assembleia geral, como confessou há dias, no debate com Dias da Cunha.

29 comentários:

Rafael disse...

Agora a que vai ser o BONITO...eheheheh.
Vou estar atento. O Velhote (DC) deve de estar a rir-se à brava com este resultado e Novo Princepe da Dinastia ficou engasgado com o resultado para se declarar Candidato a PR-SCP.

Anónimo disse...

Amigo,
Só há uma conclusão a tirar: (...) 72.45%, repito devagar para ver se entendes que são as exigências estatutárias que são desproporcionadas: setenta e dois virgula quarenta e cinco por cento dos votos. Gostava, mas gostava mesmo que fosses candidato a gerir o condomínio do teu prédio, tivesses esta votação e ainda assim tivesses que suportar outras políticas. A sério que gostava. (...) Boa noite e boa sorte.

Bernardo disse...

Para variar, nada de construtivo. Dizer mal é fácil e toda a gente o sabe fazer. Fazer alguma coisa de útil é que já é mais complicado não é?

Leão d'Aveiro disse...

72%, mesmo não fazendo passar a proposta, FSF conseguiu mostrar que uma grande maioria dos sócios estão com ele, ou pelo menos os sócios mais antigos. Foi mais uma vitória de FSF, que apenas não atingiu os objectivos propostos porque continuam a existir as chamadas minorias de bloqueio, que apenas serve para criticar e não para apresentar alternativas.

MM disse...

Ter-se 72.45% por cento de votação favorável é um enorme "sim" em qualquer parte do Mundo.
É um excelente sinal, sinal que pode indicar uma recandidatura do Soares Franco, esperemos.
O que lhe falta em carisma (que lhe falta), sobra-lhe em competência e vontade de de uma vez por todas mudar o timbre do Clube dos últimos quase 10 anos.
Para além disto o Soares Franco revela algo que os que o antecederam de pouco ou nada tinham: coragem. Daí nem o Paulo Bento nem ele próprio estarem dependentes de pedidos de demissão de grupos de 20 e 30 pessoas à porta de Alcochete ou do Estádio.
Seja como for e só sobre o assunto:
Apelidar o resultado de "derrota" com base no pressuposto de que seriam precisos 75% é no minimo desonestidade intelectual, mas adiante, esperemos (sócios) o que é que uma oposição de 28% vai agora fazer. Certamente deverão ter algo mais, do que simplesmente falar para os jornais.
Para mais sendo 28%, este sim, um número imensamente qualificado ...

Gouveia disse...

Caro LdE,


Totalmente de acordo com o post e em especial com a conclusão: ele não gosta de AG's porque não gosta, assumidamente, dos sócios do Sporting. É por isso e por outras razões estratégicas que esta "disposição transitória" foi proposta. O que estava em discussão era a alteração provisória de estatutos. Candidaturas alternativas, voltar atrás com a palavra dada 40 vezes, projectos alternativos, etc ficam para a próxima AG. Tenham paciência, a democracia desta vez funcionou!

Ainda bem que(ainda)há cerca de 600 sócios (números de O Jogo) que têm respeito pelos estatutos do SCP e que gostam, assumidamente, dos outros sócios e das AG's como as conhecemos!

É realmente lamentável que o Presidente do Sporting interprete este resultado (mais expressivo do que na venda do património imobiliário, mas com um tema mais emocionalmente sensível)como uma vitória e uma espécie de legitimação da sua pessoa e do seu projecto. Repito, à luz de princípios e valores, ética e moral é simplesmente LAMENTÁVEL!

Mas como todos sabemos, hoje em dia, este Conselho Directivo na pessoa do seu Presidente guia-se por um provérbio: Os fins justificam (TODOS) os meios! Estes últimos 13 anos de Roquettismo mostraram aos sócios a face mais negra da história centenária do Sporting termos associativos e institucionais.

A propósito de Roquettismo, surpreendentemente o fundador da Dinastia SADica apareceu e discursou, da forma habitual, ou seja, um discurso sinistro, anti-sportinguista, anti-sócios, virado para os accionistas da SAD (ou ex-accionistas como ele) em que várias vezes repetiu a frase "instituições do tipo do Sporting" !!!!! Como se houvesse muitas iguais! Estaria o Coveiro-mor a pensar em Empresas como a Porto SAD e a lampiões SAD...?

Ah! ainda tivemos direito a um momento ternurento quando este individuo referiu que era sócio do Núcleo de Reguengos de Monsaraz! Suponho que deva haver um défice de comunicação insanável entre esse notável sócio e os restantes associados do Núcleo...

Paradoxalmente, um desabafo: não pensei que Roquette tivesse coragem para ir à AG, louvo-lhe isso - agora entre a coragem e a ausência de vergonha na cara, eu decido-me pelo... medo!

Está para além da minha capacidade compreensiva como é que subsiste uma maioria de cerca de 1400 sócios (números de O Jogo) que AINDA conseguem dar um voto de confiança a pessoas que conduziram este clube a uma situação de colapso financeiro, o que levou a que essas mesmas pessoas tenham vindo a vender todo o património (por agora só o não-desportivo)causando uma situação financeira que se crê ser irreversível!

Só vejo 2 razões para esse comportamento sucessivo dos meus consócios: medo e/ou ignorância! Qualquer uma das 2 características não é a melhor para se decidir em consciência!

Em todo o caso, e salvo algumas picardias habituais, é sempre para mim um enorme prazer ir a uma AG do meu clube! Pelo menos por agora ainda posso pensar em ir à próxima e intervir se o entender, tal como intervim na desta noite.

Eu votei NÃO e votarei novamente NÃO na AG de 8 de Maio, caso ela se realize!

Saudações Leoninas

Luís de Magalhães Pereira

sócio 18.736

JAVF SCP sempre disse...

Derrota ?então 72.5 % votos é derrota ? ok, a grande maioria de 28% tem o caminho aberto para apresentar um projecto e um candidato ; por minha parte como vivo no Porto e não passou o referendo também não vou servir só para pagar quotas ; por mim vou devolver o meu cartão de sócio se possivel ao cuidado dos iluminados dos 28% que mais uma vez ganharam a votação ; tenham vergonha.

menino gilinho disse...

A democracia é uma chatice.

Anónimo disse...

Mais uma vez se demonstrou que os Sportinguistas, apesar de toda a manipulação de que têm sido alvo, não são parvos!

A A.G. vai continuar a ser soberana e os temas vão continuar a ter que ser debatidos na própria A.G.!

A força das minorías é o garante do Sporting continuar a ser dos seus Associados.

Renman disse...

A partir de hoje fico a espera q este blog apresente as alternativas para o projecto financeiro do SCP, e q apresente tb as alternativas que defende juntamente cm alguns "comentaristas" para devolver o SCP aos sportinguistas e a sobretudo aos associados. Certamente se uma assembleia referendaria e votos a distancia n são suficientes para mais gente participar na vida do clube e assim se puder dizer q o SCP e dos sportinguistas, penso q o LdE, seus "comentaristas" e os rostos mais "populares" da oposição terão um projecto grandioso em mãos

scp1965 disse...

Eu que estou a 500 Kms. de distancia de Lisboa, só tenho direito a pagar quotas ; continuo a não poder votar para ajudar a decidir o futuro do nosso Sporting ; é essa a democracia da minoria ; esta minoria devia chamar ao nosso clube Sporting Clube de lisboa e não Sporting Clube de Portugal ; pessoas como o ilustre juiz Abrantes Mendes que diz que o resultado da assembleia foi uma manipulação, justificando com a entrevista do Roquette á Bola,demonstra como um juiz tem este conceito de democracia e aceitação de resultados ; tenha vergonha e apresentem um projecto alternativo a FSF e para Presidente já têm garantidos 30% votos; acho que vai chegar porque agora o que interessa é não deixar governar as maiorias.

scp1965 disse...

A Isabel Trigo Mira tem um grande projecto e discurso : se......perdermos, o SCP vai acabar daqui a 10 anos ; excelente para quem foi Responsável pelos nucleos ; quem está distante de Lisboa e não pode ir ao beija mão das AG de Sexta á noite é "camelo";apoiem o SCP e não o Sporting de Lisboa como a elite de bloqueio quer ;

Anónimo disse...

Para os mais desatentos:
Caso não saibam MESMO que fosse aprovada esta assembleia referendária, os sócios de fora de Lisboa TINHAM de vir votar a Lisboa, NÃO PODIAM votar nos núcleos das suas localidades.

João Cunha Dias disse...

Todos sabemos que esta INdirecção tudo fez para aprovar (com o grande apoio dos senhores do Norte) esta palhaçada.

E gastaram milhares para trazer gente que iria votar sim... e censuraram todo o tipo de informação que pudesse levar alguém a votar não.

Foram blogues como o Leao da Estrela, Leão da Verdade e o AAS que sem gastar um décimo, conseguiram mobilizar pessoas suficentes para chumbar a proposta.

O que muitos não queriam vai finalmente acontecer. Como em qq instituição democrática, as propostas vão ser DISCUTIDAS!

Não estamos no tempo em que a família ROQUETTE estava no topo do mundo, à custa da velha senhora. Não estamos no tempo em que nos obrigam a fazer o que não queremos.

Querem mudar, discutam, apresentem a verdadeira situação do Sporting, não escondam informação.

Queremos um Sporting melhor, mas com identidade e com respeito pelos seu sócios, empregados e adeptos.

Froes disse...

Sabes que estes 72,45% dão para passar na próxima AG, em que só é preciso 66,6%, não sabes? E sabes que também dão para Soares Franco, ou alguém da mesma linha, ganhe as eleições com grande à vontade não sabes? Isto serviu para mostrar que o Sporting não está assim tão dividido como nos querem fazer crer,LdE incluído.
Tens a liberdade para vender o peixe que quiseres, agora não podes esperar que acreditemos todos em demagogias

Miego Daradona disse...

Os franco-roquettistas sempre foram bons a fazer contas, aliás é por isso que o clube está como está.

tiveram 69% dos presentes (a imprensa comprada e acólitos está a dar destaque aos 72% com habilidade, ignorando que os 69% tornam os 72% irrelevantes. A vitória no que a sócios presentes dizia respeito era condição prévia para os 72% contarem para alguma coisa).

Os presentes foram cerca de 2.000.

Têm 25 mil sócios pagantes e cerca de 70 mil que já não o fazem.

E querem continuar a estrapolar os números com que "quase ganham" para o universo sportinguista.

Fantásticas contas.
Aliás é por demais óbvio que os 70%de sócios que deixaram de pagar quotas e já não poem os pés no clube estão certamente impressionadíssimos com a prestação dos franco-roquettistas todos estes anos.

Continuam a cantar alegremente a cançao do incompetente que nem contas sabe fazer quanto mais salvar o Sporting, mas oxalá lhes caia um osso duro de roer em cima.

Rafael disse...

Se vivesse num Estado de Direito eu sabia como fazer a esta Dinastia. Isto é um cambada da pior espécia. Mafiosos-Ladrões que se tem servido do SPORTING para se promoverem e servirem sem olharem a meios para atingir fins. Ainda querem mesericórdia de quem?!
Provado está que o SPORTING nos últimos anos o tem sido espoliado em toda linha e ainda há que peça aqui mesericórdia e aprove projectos de destruição massiva do Sporting. Querem mais provas do que está aos olhos de todos?!
Alguém é capaz de fazer pior do que esta cambada de gravatas de m.e.r.d.a.?!
Sou duro, porque nunca me regi por estes meios na Vida.Sou sócio pagante com cotas em dia e exigo respeito pelo produto contributivo do meu trabalho em prol do SPORTING.
A diferença nas contagens de votos difere pelo n° em que equivale os direitos de sócios, porque os votos únicos e por cabeça nunca estes resultados eram estes.A grande maioria dos sócios do SPORTING neste momemto apenas está com Moniz Pereira, Paulo Bento e o Paulinho -Roupeiro e alguns Jogadores-Atletas e Técnicos.RESTO?!..RUA.

Rafael disse...

Estava tudo combinado para no próximo dia 8 se apresentar e influenciar o sentido de voto o novo principe encantado saído desta (DINASTIA), mas a porca borrou-lhes a estratégica.DEMITAM-SE e deêm lugar a outros.Pior é impossível fazer.Uma auditoria externa feita a toda a gestão destes últios anos. Precisa-se.Digam quem é os verdadeiros proprietários do espolio do SPORTING (Ex-Edificio SEDE). Por aí se vê.Isto é revoltante.

Anónimo disse...

´Também fico á espera que os 28% de iluminados por um qualquer gerador de fraca potência e já na reserva deixem de falar e passem aos actos.."DIZER NÃO SEM PROPOSTAS". O tempo dos bigodes e unhas já acabaram...os 28% de ilumidados vão agora fer o quê?? Aplaudir o "vermelho" DC??..Fico a guardar..como dizia um associado na Assembleia..eles falam (para dizer NÃO) mas não fazem nada.
Para mim serei sempre SPORTING mas vou deixar de ser sócio (eu mais a minha familia..só somos 10 sócios)porque não nos revemos num Clube de 28% que não quer dar voz a TODOS os SPORTINGUISTAS..era ISSO QUE ESTAVA EM VOTAÇÃO..os iluminados que descontem 10 associados....

Sporting Sempre

leãoraivoso disse...

As ragras mudam-se quando convem e para o que comvem.

Apareceram os coveiros a mando dos cangalheiros.

Os sócios são cada vez menos? Crise de militância? Quem são os responsáveis?

Quantos eram antes do advento do roquetismo e quantos são hoje?

Qual a afluencia ao Estádio antes do coveiro e qual a afluência hoje?

Quantos nucleos/solares/casas ecistiam ao tempo da encomendação bancária e quqntos funcionam, efectivamente, hoje?

O fimdo do nosso Sporting foi decretado por uma cáfila há bastante tempo, e existem 72% que comcordam.

Estamos conversados.

Uma derrota acontece quando náo se atingem os objectivos propostos.

Não há diuas leituras.

Tal como uma mentira é fazer coisa diferente daquela a que se propos.

Anónimo disse...

Antes de fazerem comentários infelizes do género: "assim o sporting só é de Lisboa" , "como querem que eu vote?"
INFORMEM-SE !!!

Há aqui comentários de pessoas que estão (ou foram) enganadas.

Se esta proposta passa-se os sócios tinham de vir á mesma a lisboa para votar. Não o poderiam fazer nos nucleos das suas cidades.

E deixo aqui um repto ao LDE: No seu blog escreva isto mesmo. Temos de esclerecer os sócios e adeptos que não sabiam isto.

Se calhar se soubessem a opinião deles já mudaria?

Mesmo que a proposta de ontem passa-se e tivessemos uma assembleia referendária os sócios TERIAM DE VOTAR EM LISBOA.

Leiam isto antes de fazerem mais comentários do que não sabem.

Rafael disse...

Como se pode ver aqui, existem (Sportinguistas?!) que democraticamente perderam um acto eleitoral e querem abandonar a militância, Rica familia...isto é que é saber perder...pois é claro.
O direito à contestação é só para alguns. Pois é...,mas contadinhos os Votos por cabeça e um de cada um presente ia-mos ver aonde eram os 28% e se eram 72%. Essa coisa de votos em carteira para uns e outros apenas um ditam muitas coisas boas e más.
Por aqui a que existe este disparate. Ou foi ilegal?
Para mim, acho que falta vender a ACADEMIA e o Parque de Estacionamento. É o que esta DINASTIA de Mafiosos quer fazer para acabar com o SPORTING CLUBE DE PORTUGAL.

scp1965 disse...

caro Rafael

Gostava de lhe perguntar uma coisa : qual é a solução para libertar dinheiro para o investimento no futebol e acima de tudo qual é a sua solução para como diz tirar o SCP da pré falencia ? e já agora diga-ms sff qual era o balanço desportivo de 1982-1995(conquistas desportivas) e o patrimonio que tinhamos em 1995, quando Roquette chegou ao SCP, depois de Sousa Cintra deixar o clube com todo o esplendor.

miss disse...

A cantiga da imprensa começa a dar frutos...

Sr. anónimo: são 30% de "iluminados", como você jocosamente chama a quem não concorda consigo. A democracia é mesmo uma grande chatice.

Sporting Sempre disse...

Como diz Froes mais acima, esquece-se apenas de referir que este resultado, numa assembleia normal, dará para passar o projecto de Soares Franco. Fico triste de o ver tão contente com o bloqueio da vontade de muito mais do que metade dos sócios. No caso, 69 por cento dos presentes na AG. Isso deixa-o feliz? É pena. É uma vitória de pirro. E uma vitória contra a vontade da maioria dos sócios, não dos votos. Pense nisso.

Orlando disse...

Nem assim a criançada se cala e deixa o Sporting em paz.
E ainda falam como se tivessem ganho alguma coisa.
Se calhar ganharam, porque não são na verdade sportinguistas e com isto atrasaram o Sporting.
Para quem se proclama o Sporting, para quem diz que os sócios são soberanos e eles é que mandam no Sporting, concluimos agora que afinal é mentira.25% manda em 75%.
Vamos a votos, levam outra banhada e depois voltam ao xinfrim, que os sócios é que mandam, etc.
Já agora, para aqueles que descobriram agora uma monarquia (basta um dos opositores lançar uma frase e aí vai a carneirada a repetir até à exaustão a frase), lembrar que Dias da Cunha foi o primeiro a ser cooptado (será que está chateado de não voltar a ser o principe?) para substituir José Roquette e, já que apelam tanto ao espírito fundador, lembrar que o primeiro presidente não foi eleito, antes foi nomeado pelo avô, dono do clube.
E se fossem pregar para outra freguesia?
Saudações leoninas

Anónimo disse...

Que chatice...lá vai ter de se explicar aos sócios a gestão que, apesar das vendas de Nani por 25 milhões de euros e apesar da venda de património por 48.5 milhões de euros, fez o défice em vez de diminuir, aumentar...quando foi precisamente a necessidade de diminuir o défice que justificou a venda do património...Mistérios que não são da Serra de Sintra...

bloqueador militante disse...

É complicado explicar a esta gente raivosa pela derrota que os estatutos prevêem este tipo de maioria qualificada precisamente para salvaguardar tentativas manhosas de introduzir alterações aos mesmos. Felizmente, a tentativa não passou disso.

Orlando, mete gelo que desincha...

Rafael disse...

Fossem os votos por cabeça, isto é, um a cada um por direito e iamos ver o resultado final bem como todos os sócios terem direito a votar através das vias NET e Nucleos e Filiais.
Assim são sempre a mesma familia. Os resultados estão à vista das boas gerências.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...