terça-feira, 2 de junho de 2009

Bettencourt e a fuga ao debate

Ninguém consegue enganar toda a gente durante o tempo todo. E uma das maneiras de um eleitor definir o seu voto, numa decisão que vai além da simpatia e da concordância com as ideias de determinada candidatura, passa pela análise dos pontos de vista de quem pretende governar. Isto acontece em qualquer eleição: numa eleição política, na escolha do presidente de um clube desportivo ou do presidente de um sindicato ou de uma associação de estudantes. Neste caso, estamos a falar em governar o Sporting Clube de Portugal, uma das maiores instituições do País.
Um debate ao vivo, cara a cara, entre os dois candidatos à presidência do clube teria sido muito importante. Feito pela televisão, um debate transforma-se numa grande montra de exposição inevitável. É sempre um grande teste para qualquer candidato, sobretudo hoje, em que quase tudo o que existe tem de passar na televisão para existir.
Conhecer os candidatos, saber como pensam e como projectam uma gestão para o Sporting: tudo isso ficaria visível nas imagens televisivas. Mesmo o que não é dito, passaria subliminarmente por expressões, posturas, entoações. O corpo dos candidatos também falaria. E falaria com uma transparência involuntária.
Com mais clareza, os sportinguistas ficariam em condições de escolher aquele que propusesse as ideias e os projectos mais convincentes. Aquele que explicasse como viabilizaria essas ideias e esses projectos. Aquele que elegesse as prioridades mais importantes para o clube. E que demonstrasse saber como fazer tudo isso.
Ao contrário do que seria de esperar, nestas eleições para a presidência do Sporting, a nação sportinguista ficou privada de um debate entre José Eduardo Bettencourt e Paulo Pereira Cristóvão. Por indisponibilidade de Bettencourt, que deu, assim, um mau sinal para o futuro, caso seja eleito presidente.
Que se saiba, o Sporting vive em grandes dificuldades. O próprio presidente cessante, Filipe Soares Franco, revelou que o clube está “tecnicamente falido”. Ora, como disse recentemente João Dória Júnior, presidente Grupo de Líderes Empresariais (uma associação brasileira formada por líderes empresariais), “é diante das dificuldades que se deve debater mais, para procurar soluções e encontrar novos posicionamentos e saídas para a crise”. “O debate é o melhor caminho para isso”, considera aquele líder dos empresários brasileiros.
Lamentavelmente, não é assim que pensa o nosso gestor José Eduardo Bettencourt – que já ousou dizer que quer ficar eternamente no poder como Pinto da Costa (sem que isso tivesse chocado minimamente os comentadores mais democráticos da nossa praça…), dando-nos a verdadeira noção que o candidato da “continuidade” tem do valor da democracia. Para além de um conjunto de desculpas esfarrapadas, entendeu que debater o Sporting com Paulo Cristóvão, o seu principal e único opositor, seria uma perda de tempo. Não contribuiu, assim, para pacificar a nação sportinguista, ao contrário do que diz. Como aliás, demonstrou a intolerância do “comentador sportinguista” Eduardo Barroso, no programa “Prolongamento”, da TVI 24, nesta segunda-feira. Quem viu o programa sabe do que estou a falar.

27 comentários:

Froes disse...

"Lamentavelmente, não é assim que pensa o nosso gestor José Eduardo Bettencourt – que já ousou dizer que quer ficar eternamente no poder como Pinto da Costa (sem que isso tivesse chocado minimamente os comentadores mais democráticos da nossa praça…), dando-nos a verdadeira noção que o candidato da “continuidade” tem do valor da democracia"

Desde quando é que isto não é democracia? Que eu saiba o Pinto da Costa foi sempre a eleições e acabou por ganhar sempre. Estás a confundir democracia com a vontade dos sócios de ter lá o Pinto da Costa estes anos todos.
E é mau o JEB dizer que quer ficar no Sporting muitos anos? Não é isso que queres ouvir num jogador, treinador etc? Não achas que é importante estabilidade directiva? Ou é só porque foi o JEB a dizer isto e não o PPC?

PG disse...

Pois é, PPC apesar das suas qualificações não conseguiu pôr JEB a falar.

hjssp disse...

O que é pior? Não ir a debates ou distorcer as palavras? Dizer que gostaria de ficar eternamente no poder (se é que foram estas as palavras) como o Pinto da Costa não revela desrespeito pela democracia. Revela que o candidato gostava de ter tanto sucesso como o presidente do Porto (que já está no cargo há 20 e tal anos sem que ninguém do clube fale em défice democrático).
Quanto aos debates, muitas vezes só servem para saber quem fala melhor e não quem gere melhor ou quem tem melhores medidas. Quem assistir aos debates do parlamento sabe do que estou a falar.

CORREIO LEONINO disse...

FROES:
De facto, José Eduardo Bettencourt é uma fonte inesgotável de afirmações diversas sobre a mesma questão... Ele também já disse, talvez porque lhe correu mal ter feito aquelas referências ao FC Porto e à longevidade de Pinto da Costa (foi, de facto, um tiro no pé...), também já disse, dizia, que Rogério Alves é a reserva para daqui a quatro anos... No que é que devemos acreditar? Está em condições de responder???

A.C. Alijoense disse...

Lamentavel é a sua saga contra Bettencourt e principalmente contra o sporting continua o que já vem sendo habito de a uns messes para cá...a partir de hoje perdeu um visitante assiduo deste blog.

3 metros de relva disse...

Fiquei incomodado com tamanha soberba. No mínimo o Dr. Eduardo Barroso, deveria ter manifestado a dignidade que Dias Ferreira apresentou durante as entrevistas na SIC Noticias.

Abraço Leonino

gavazzo disse...

Naturalmente, que se entende a recusa de José Eduardo Bettencourt em querer debater com Paulo Pereira Cristóvão. Tería tudo a perder e nada a ganhar. E, assim, é um risco que JEB não quer correr.

Agora a tentativa de descolagem ao actual Conselho Directivo presidido por Soares Franco de que José Eduardo Bettencourt faz parte como Vice-Presidente, não me parece correcto fazê-lo.

Essa tentativa de passar a mensagem e a imagem de que Bettencourt "chegou agora" não cola com a realidade dos factos:
sendo Vice-Presidente em funções, se não conhece o Clube de "A a Z" era sua obrigação conhecê-lo e representa um ciclo de continuídade e na continuídade. Óbviamente que com um cunho pessoal, como é lógico, mas não representa uma nova era.

O ciclo roquetista não se encerra com José Eduardo Bettencourt.

Gouveia disse...

Froes e Hjssp,


A tese do LdE não é obviamente centrada na colagem à gestão do Porto e do Papa (como Bettencourt chamou elogiosamente a PC no Dia Seguinte)!

A tese e o argumento central está na recusa injustificável e indecorosa de debater o Sporting com PPC.

Esta atitude não é só anti-democrática, é calculista, é de quem tem reserva mental, é de quem não tem coragem, mas acima de tudo invocando as desculpas que Bettencourt invocou é de QUEM DESPREZA OS SÓCIOS DO SPORTING!

Isto é incontestável!

CA disse...

O «polícia» queria o debate para se promover à custa do JEB.
Quanto à intolerância do comentador Eduardo Barroso para com o PPC, se reparares é a mesma que tu (LdE) revelas relativamente ao JEB.
Como diz o povo «presunção e água benta cada um toma a que quer».
Carlos Antunes
Sócio n.º 9325
Leão de Prata

Manny disse...

Estabilidade? De facto a curva descendente está estável: sete (7) anos sem ser campeão, debandada de sócios, pavilhão só em sonhos, banca a governar o Clube...

Um homem que tem medo de enfrentar o candidato opositor, porque sabe que será derrotado, não merece presidir aos destinos do nosso Clube. Não precisamos de medrosos!

É por isso, mas não só, que os meus votos vão direitinhos para Paulo Cristóvão!

RFM disse...

Realmente esta Gestão tem sido muito Boa.
JEB deve de estar muito orgulhoso. Uma Maravilha.
Fugir ao debates...pois..pois. Cada um pensa o que quer,falta de respeito pelos sócios, ou é a falta de argumentação e de respostas, penso eu.
O Buraco foi criado por ele e seus amigos. Não se podem desculpar com outros. Essa a que é essa.
Quanto mais venderam mais Devem.
A pior coisa que fizeram, talvez, foi SAD e seus derivados para andarem a enganar tudo e todos com o défice. Devem..DEVEM e MUITO. Ponto final.
GRANDES CAROLAS.Por isso o País é um exemplo vivo destas cabeças.
O Alentejo está cada vez mais atractivo.Alcochete também...

Pedro Nogueira disse...

Vocês apoiantes de Cristovão têm uma coisa curiosa:primeiro atacam que nem cobras (insultam, mentem ,desrespeitam,vociferam) , depois vitimizam-se que nem lebres. Muito curioso.
Dá que pensar dá...

Nelson Santos disse...

"Ninguém consegue enganar toda a gente durante o tempo todo."

Podia ser o sub-título do leão da estrela!

Joao Faria disse...

Um debate, só beneficiaria um dos interlocutores, aquele que tem menos visibilidade, ou seja PPC, ou seja JEB faz muito bem em não lhe dar importância nenhuma. Não passa de um paraquedista que todos estes anos andou ausente da vida do Sporting e aparece agora em busca de protagonismo.
É ponográfico falar na contratação de Néné por 5milhões de euros.
Espero que JEB ganhe caso contrário será o fim do Sporting.

seismilhoes-UM disse...

O comportamento de Eduardo Barroso no programa »Prolongamento« da TVI24 foi inqualificável. Concordo plenamente.

E certas afirmações de PPC?

Nuno Trindade disse...

Gostaria apenas de deixar aqui uma nota para a deplorável prestação do dr. Eduardo Barroso no programa de ontem, na TVI24. Foi, no mínimo, lamentável a forma como se atirou ao candidato Paulo Cristóvão, convidado para uma entrevista na qual foi baixamente atacado pelo dr. Eduardo Barroso, uma pessoa pela qual nutro grande simpatia, mas que ontem esteve muito longe de corresponder áquilo que dele esperava. Deveria ter feito o mesmo que o dr. Dias Ferreira fez no "Dia Seguinte", isto é, não participar durante a entrevista a PPC. Isto sim, é elevação. E, seguramente, posso afirmá-lo, não é mais sportinguista do que eu! Poderá ser tão sportinguista como eu. Mais, não! E o sportinguismo não se vê por ser "sócio há 60 anos e por ter lugar no Estádio". Este é um dos grandes problemas destes senhores que julgam que o Sporting tem de ser apenas de e para aqueles que se julgam "notáveis". Já estamos fartos destes "notáveis" que gravitam à volta do Clube. São sempre os mesmos! Vemos a lista de Bettencourt e reparamos que, mudam as direcções, e os nomes são quase sempre os mesmos. O Sporting tem forçosamente de mudar! Chega deste miserabilismo bacoco que tem reinado no Sporting. Destes tecnocratazinhos da treta, que se julgam grandes gestores, mas que do "core-business" do Clube percebem ZERO! São péssimas decisões atrás de péssimas decisões, ano após ano. Homens para quem tudo é uma "maçada".
Também gostaria de realçar o vazio do discurso de JEB. O que será que significa "aumentar a capacidade competitiva" sem haver um investimento real no futebol? Já chega de jogadores de qualidade duvidosa. O Sporting tem, por exemplo, nas suas laterais 4 jogadores que são do pior que existe em Portugal (Abel, Pedro Silva, Ronny e Grimi). Qualquer clube da 1ª Liga tem nos seus quadros melhores jogadores para essas posições. Dá que pensar!
Nas próximas eleições, irei votar na mudança. Estou farto do status quo reinante no Sporting!

Paulo disse...

Não consigo compreender o que o debate acrescentaria. Ambos os candidatos já apresentaram repetidamente as suas ideias nas várias entrevistas que têm dado. Cara a cara, a coisa poderia fugir para o pé no chinelo e como é óbvio isso beneficia quem não pode ou não sabe aprofundar muito as matérias. Concordo com a generalidade das ideias de PPC mas temos de reconhecer que quando tem de ir mais longe nos assuntos não mantém a qualidade do discurso. E aquela de um pavilhão com 2500/3000lugares no Jardim do Campo Grande é um bocado terceiro-mundista...

Sérgio disse...

Acho que o esclarecimento dos sócios não virá apenas de um debate entre os 2 candidatos ... sinceramente não me lembro dos últimos tempos de ver qualquer debate televisivo do qual tenha saído esclarecido.

Volto a frisar aqui que a AAS fez um belissimo trabalho, quem aceder ao site da ASS puderá visualizar as entrevistas dos 2 candidatos aos quais foram colocadas as mesmas questões formuladas por sócios do SCP.

Tivemos várias entrevistas televisivas com diferentes comentadores a levantar questões aos 2 candidatos.

O meu esclarecimento vem deste conjunto de situações alicerçado também no que leio e vejo nos orgão de comunicação social.

Eu até á data não reconheço (tenho esse direito) ao candidato PPC qualquer acto de humildade como o JEB no tal caso em que declarou que sairia mais prejudicado do debate e explicou bem porque não por uma questão de preservar a sua imagem como a do futuro presidente do SCP.


Volto a frisar que muitos tentam vir com a lenga lenga da continuidade como se fosse um rotulo de validade.

O maior critico do actual presidente FSF o Dr. Dias da Cunha apoia a candidatura do JEB quer maior prova que de facto existe uma ruptura (não total) entre a actual direcção e a lista do JEB !!!

Já tivemos presidentes do SCP e do Pais que eram excelentes nos debates no resto tá quieto.

Eu quero alguem digno e integro para presidente do meu clube mais importante que debater e ser populista é que seja um exemplo de lealdade coragem e dedicação ao clube.

Saudações Leoninas e que 6ª ganhe quem ganhar que o SCP possa sair vencedor.

Manny disse...

Debate na TV, em canal aberto e em directo é a forma de PPC fazer chegar a sua mensagem sobre o que pretende para o Clube a uma elevada percentagem de associados info-excluídos, que não querem saber de internetes, e para quem a única (des)informação a que têm acesso é a dos pasquins.

Ora, sabendo que os pasquins, em especial "o tal" que bate records de imbecilidade, têm levado JEB ao colo, numa parcialidade de que não há memória em 35 anos de democracia, só um debate numa televisão com um moderador jornalista isento (Fernando Correia, Rui Santos, Carlos Daniel, p. ex.) poderia DE FACTO esclarecer os sócios do Sporting.

Infelizmente, o candidato "mais do mesmo" não quer, tem medo, e prefere mandar recados através do mais ordinário dos paineleiros, o sr. dr. Eduardo.

Quem fica a perder é o Sporting e os Sportinguistas.

Saudações Leoninas.

RFM disse...

O debate era sempre bom em prol do SPORTING e dos seus associados. Quem não deve não teme. É claro que a comandita BES-BCP-Millénio (Accionistas)e dos da Dinastia não querem.
Eles lá sabem porquê...
Mais uma vez se prova a falta de valores democraticos no SPORTING aonde impiedosamente quem o (des)governa são sempre os da mesma Monarquia.O próximo vai sair dos mesmos (Se existir ainda o SPORTING). Ai o que Dias da Cunha disse..dá que pensar.Ele parece feiticeiro.Foi como o Sistema e depois riam-se quando ele falava dele...Pois.pois...
Todos queremos o melhor para o SPORTING, mas meus caros confrades com esta (democracia) de voto precisamos URGENTE de um 25-Abril-74 para implantar uma Républica que teimosamente custa a chegar ao SPORTING.
Que é isso e aonde se viu uns votarem com direitos de 20-votos-16 etc... e outros com 1..aonde se viu essa democracia de voto?!
Também em Portugal (Politicamente) se vota ou vai votar conforme a idade ou estatuto de vida?!
Sinceramente.Isto interessa sempre aos mesmos do Concelho Leonino, Notáveis, Monarcas etc.. Assim nunca vamos lá.
Será que JEB tem alguma proposta para colocar acerca de votar como o FCP-de PC que tanto ele elogia?
Ou vai ser uma AG para vender a ACADEMIA de Alcochete (Ouro-ORGULHO de PORTUGAL e dos SPORTINGUISTAS)???!!!
em nome do baixar o défice como foi com a Sede-Secretaria e demais.
Depois Chorem...chorem...muito.

RFM disse...

Já aqui coloquei esta questão mas ninguém respondeu.
Talvez alguém desta vez saiba responder.
Quem é o proprietário (Não companhia)da Edifico SEDE e Secretaria do SPORTING ??????!!!!
Gostava de saber, eu e muitos.
Obrigados.

Gnitrops disse...

Depois do último debate entre Soares Franco e Dias da Cunha, onde nada se aprendeu, não sei se não iria acontecer o mesmo entre os 2 candidatos.

Com tanto diz-se diz-se que já houve e com tantas acusações, acho que iam passar o tempo a contradizer-se!

40 postas pescada disse...

(...) só um debate numa televisão com um moderador jornalista isento (Fernando Correia, Rui Santos, Carlos Daniel, p. ex.) poderia DE FACTO esclarecer os sócios do Sporting (...)

Rui Santos isento? não me façam rir!
tão isento, tão neutral, que fez melhor campanha por PPC do que qualquer debate a dois!

PPC num debate com JEB "ganharia", tendo em conta o nível de experiência de argumentação demagógica, que lhe deu a passagem pela policia judiciária...JEB fez um favor a PPC ao não aceitar debates: acabaria por dar oportunidade, nomeadamente a quem ainda não se apercebeu, de se concluir que estamos perante um arrivista e um demagogo.

já os topei disse...

Na opinião de certos comentadores do blog, quem não bajula o cabeça-branca está a fazer campanha por PPC. Grandes democratas estes...

Gouveia disse...

Acabei de ver agora o programa de 2ª feira da TVI24 onde PPC foi convidado.

Não estou nada surpreendido pela postura do "adepto do Sporting". Não é nada que ele já não tivesse feito nos tempos de Roquette, nos donos da bola na SIC...

De facto aquilo a que assisti foi das maiores espectáculos de mediocridade, cobardia, fanfarronice, arrogância, chico-espertismo, imbecilidade, lobbismo, pseudo-elitismo, paternalismo, falta de respeito por parte desse PALHAÇO chamado Eduardo Barroso, que infelizmente personificará para muitos sócios e adeptos o Sportinguista por excelência...!

Eu que sou Sportinguista desde que nasci não pretendo dar lições de Sportinguismo a NINGUÉM, a minha própria vivência sportinguista fala por si e eu respondo por mim!

Este individuo personifica e integra a verdadeira MINORIA DE BLOQUEIO que tem arrasado o Sporting nos últimos 14 anos e que é urgente VARRER do clube!

Saudações Leoninas

JL disse...

Caros todos,

Começando por Barroso, confesso que me faltam as palavras para qualificar a postura indecorosa que assumiu. A soberba, o dislate, a insinuação maldosa, a arrogância. O que vale é que isto já não espanta, que ele é sempre assim.

O que importa reter da posição de Barroso é que ele se prevaleceu de tempo de antena que lhe foi dado por ser adepto do SCP para invectivar um candidato. Isto revela falta de fibra moral e de decencia, mas também algum nervosismo, ao ponto de se prestar aquela triste figura.

Quanto ao debate, julgo que quer a tese de que JEB nao tem nada a ganhar, mas antes tudo a perder, bem como a de que ele tem algum receio de se apresentar a debate colhem.

No entanto, o fulcro da questão para mim assenta no facto de que JEB ir a debate não é um favor a PPC. É um serviço aos Sportinguistas. Cabe-lhe a ele, como candidato, deixar claro o seu Projecto, e, acima de tudo, e se instado para tal, se pronunciar sobre o SEU papel no passivo quando administrou a SAD (aproximadamente 60 milhões em 3 exercícios) e sobre como pode ele, na sua qualidade de VP, dissociar-se do CD de FSF e dizer que quer conhecer o SCP a A a Z. Não conhece ainda?

Termino remetendo todos quantos aqui leiam e escrevam para um visita ao (indescritível) blog Fonte Segura, onde poderão ver que a campanha anti-PPC se compadece até com a violação da lei.

SL

Paulo disse...

Não vi o debate da TVI24 e sou apoiante de JEB mas o Dr. Eduardo Barroso é a face do piorzinho que o SCP tem, ou seja uma pseudo-aristocracia com laivos de caciquismo...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...