sexta-feira, 2 de abril de 2010

Paulo Barbosa: "Caso Izmailov não foi por acaso"

O agente diz que há orientação para o Sporting ter jogadores da Gestifute, de Jorge Mendes.

Paulo Barbosa tinha entrevista marcada para as 15 horas, chegou antes do tempo e começou logo ao ataque. O representante de Izmailov considera que o caso em torno do russo não foi por acaso e lança ofensiva contra a Gestifute, de Jorge Mendes, sem nunca referir o nome...

E então, novidades?
Bom, parece que o Sporting contratou o técnico da Académica [Villas-Boas, representado pela Gestifute], apresentou o Nuno Dias [jornalista, ex-funcionário da Gestifute] como novo director de comunicação...

E?
Aparentemente existe uma orientação para o Sporting ter jogadores que pertencem à mesma empresa [a Gestifute, do agente Jorge Mendes]. Vimos essa experiência noutros clubes, nem sempre é positivo e basta ver o que se passou no Dínamo Moscovo. Não há agências que tenham a solução para tudo. E depois também existe a própria lógica de defender os seus interesses, o que pode gerar alguma conflitualidade mais tarde.

Que quer dizer com isso? Que a Gestifute manda no Sporting?
Não. Há uma orientação nesse sentido e isso cria um problema de dependência. Há a tradição cultural em Portugal de os responsáveis virem de dentro do clube e não de fora. Essa lógica agora não está presente. O tempo poderá dizer se terá sucesso.

Essa ideia está relacionada com o recente caso de Izmailov?
Não, é prematuro dizer isso mas os próximos tempos darão uma resposta. Izmailov é diferente: houve a lesão, jogou muitas vezes limitado, acabou por ser operado, manteve a recuperação com percalços e ressente-se quando tem sobrecarga de jogos. E não está excluída a hipótese de nova intervenção, de fazer uma pequena intervenção cirúrgica...

Quando? Agora? No Verão?
Não sei, ainda é cedo para dizer, mas ficou previsto que se as dores não pararem terá de ser operado para rectificar algumas questões. Na véspera do Atl. Madrid fez testes e mantinha dores, no dia do jogo também e disse que não estava em condições de jogar. E se jogou com o V. Guimarães...

Foi nessa altura que lhe foi negada a entrada na Academia?
Costinha não foi exacto. Tenho boa relação com Gomes Pereira e sugeri que estaria presente para explicar o que se passava, dadas as limitações do Marat no inglês. Nunca fui a estágios ou academias.

Como viu as duas conferências?
O Costinha ligou-me e disse logo que, falhando o Atl. Madrid, não jogava mais com ele. Só depois falou com o Marat. À imprensa foi intelectualmente desonesto ao compará-lo com três companheiros. O jogador nunca disse que não queria ajudar, apenas que não podia! Se não fosse tornado público, passava despercebido. Premeditado? Não aconteceu por acaso. E Marat ficou magoado porque é um profissional exemplar. Na véspera do FC Porto, esteva a soro no hospital com uma virose e 12 horas depois jogou e fez 90 minutos.

Mas foi premeditado porquê?
Para criar uma imagem... Mas não quero ir por aí. Só digo que compreendo que os jogadores são sensíveis às novas estruturas e se forem de agente A ou B não jogam ou têm problemas...

O futuro de Izmailov no Sporting está mesmo em risco?
Foi ele que recusou o Lokomotiv. Para o Sporting era um negócio importante e sentimos que era maior a vontade do jogador ficar do que o Sporting quisesse que ele ficasse. Mas ficou.

O Sporting queria que saísse?
Não digo isso. Mas quando um clube quer muito um jogador faz tudo para que ele fique e isso não foi feito tudo. Numa primeira fase houve uma proposta para renovar que foi aceite. Passados quatro dias foi dito que não havia condições para essa proposta...

Quando foi? Que aconteceu?
Na fase pós-Sá Pinto. Ou no período pré-Costinha. A proposta foi feita na véspera do jogo em Braga, demorámos 24 horas a aceitar, mas quando o presidente veio do Brasil comunicou que não havia condições para isso.

Mexia no salário? E na duração?
Em ambos. Partindo do pressuposto que é um dos atletas mais influentes não faz sentido recuar na renovação, até porque ganharia bem menos do que o tecto...

Mas Izmailov admitiu que errou...
Não, lamentou! Muito antes já se sabia que havia folga dupla. Tinha combinado ir ao consulado e avisara há muito. Fui a casa dele no dia em que foi expulso. Estava transtornado... Senti-o tão perturbado que dei o conselho: mete-te no avião, passa lá o fim-de-semana, se aceitarem eu vou ao consulado e voltas de cabeça limpa. Foi o que se passou. A história do consulado foi para não criar mais barulho, só.

Mas houve pedido de desculpa...
Não, só lamenta não ter comunicado, mesmo sendo uma questão privada. Sobre Gomes Pereira, quem fez a tradução fez mal, como também já foi explicado.

E Costinha chegou a ligar-lhe durante esse fim-de-semana?
Não, ninguém me ligou nem perguntaram onde estava. Até porque não fazia muito sentido...

Se não sabiam onde estava...
Sempre respondi ou dei as indicações necessárias. Mas o Sporting sabia, por conversas durante a semana, que ia a Moscovo.

Acha que serviu de exemplo para lançar um aviso ao balneário?
Foi-me dito que não jogava mais no Sporting. Não posso comentar o resto. Agora, estas afirmações ajudam a valorizar um activo? Não é uma boa política...

Como é a sua relação com Costinha? E com o Sporting?
É um ex-atleta que passou por estas situações e deve aprender com o passado. Com o Sporting, foi diferente: numa primeira fase, com Carlos Freitas e Pedro Barbosa, cordial e profissional; depois, com Sá Pinto e até hoje, passaram a exigir garantias de representatividade, deixaram de atender telefones, diziam para fazer algumas propostas por sms...

Mas Izmailov vai ou não ficar?
Por vontade própria quer ficar. Nem todos recusam um contrato a ganhar cinco vezes mais. O Sporting? Não sei. Estes incidentes provocaram um abalo na sua confiança. Ninguém pode acusá-lo de ser o rei da noite ou de fazer 20 minutos num ano.

Perdeu Veloso e fala-se que pode perder Yannick. É verdade?
Sim, perdi. Há uma conjuntura... Durante muitos anos não fiz contratos. Mais: Yannick não tem contrato há seis meses. Está livre. Mas também percebo que os clubes são como os ventos sopram. Não quero é ver ninguém prejudicado por ter uma relação comigo.

Disse-lhe para ir à vida dele?
Os jogadores são inteligentes, já percebem os ventos. Nós ajudámos quando andavam na II divisão. Já têm asas. Vem ao de cima o instinto de sobrevivência...

Acha que Yannick tem mais hipóteses se mudar de agente?
Vamos ver. Mas não quero especificar. Olhe, dou o exemplo do presidente do Nacional, que disse que o Ruben Micael foi pressionado para mudar de empresário para ir à selecção. E que não foi para o Sporting por isso. Disse que, ao pé de Jorge Mendes, José Veiga era um menino de coro.

Ainda acha isso?
Acho. Ainda que a escola seja a mesma. O que se passa no futebol, os interesses, todas as ramificações... A lavagem de dinheiro é real, basta ver o que aconteceu com o Corinthians, em Inglaterra...

10 comentários:

Cristiano Moreira disse...

E Paulo Barbosa fala poe acaso?

Anónimo disse...

O lampião Proença começa a preparar o derbi da Luz: acaba de expulsar o Izmaelov que nem tocou no adversário...mas o Sporting facilita a vida aos lampiões, deu-lhes mais um dia para descansar...Porca Miséria!!!

Rui Cunha disse...

quem consegue calar este palhaço??

LDE por favor não dê mais importância a esta ave rara!

LEÃO DA ESTRELA disse...

Rui Cunha: é importante saber o que dizem os protagonistas para percebermos o que se passou. Desse ponto de vista, esta entrevista é um documento importante. Abraço!
SL

degas disse...

Este Paulo Barbosa está só a proteger a sua "mercadoria", nada mais.

Por outro lado este senhor tem tanto (ou mais) telhados de vidro como os outros chulos, perdão, empresários que rondam os jogadoresd de futebol.

SL

Yazalde disse...

Caro LdE

"Desse ponto de vista, esta entrevista é um documento importante."?
Como é que pode sequer achar importante o que este senhor diz?
Guerra de empresários é o que isto é!
Não alimente isso, sobretudo um individuo que prejudicou o Sporting ao influenciar, da pior maneira, um dos nossos melhores jogadores, fazendo com que este falhasse um jogo de importância capital para o Sporting na Liga Europa! Recordado?

Jedi Master Atomic disse...

É de lembrar que este empresário é o mesmo que fez com que há alguns anos, Caneira e outros 2 saissem em litigio com o SCP !!

leão verde disse...

Barbosa mente. Villas boas é agenciado por Carlos Gonçalves e não por Jorge mendes.
Para denegrir o Sporting vale tudo.

Anónimo disse...

<Este senhor Barbosa vive das percentagens e das comissões das transferências dos jogadores agenciados por si. O Izmaelov é deles, já não são muitos, malogrou-se há pouco a transferência para o Lokomotiv que tanto jeito lhe dava, de modo que o cavalheiro mais não faz do que ir minando a situação e tentar convencer o jogador de que o melhor é sair do Sporting para ele sacar a respectiva parte da transferência...elementar, meus caros, elementar...só que se fosse eu a mandar no Sporting, este era daqueles que nem passava da porta!...

Anónimo disse...

"no dia em que foi expulso. Estava transtornado... Senti-o tão perturbado que dei o conselho: mete-te no avião, passa lá o fim-de-semana"
e mais à frente:
"Mas o Sporting sabia, por conversas durante a semana, que ia a Moscovo."

Em que ficamos, foi no calor do meomento ou foi planeado durante a semana?

"Nem todos recusam um contrato a ganhar cinco vezes mais." desculpe, como diz que disse?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...