quinta-feira, 30 de setembro de 2010

A falência do País e o salário de Bettencourt

O paradoxo não poderia ser maior. No dia em que o Governo do País anunciou mais cortes nos salários e mais aumentos de impostos, que vão castigar os bolsos dos portugueses e dos sportinguistas, a decisão mais importante da Assembleia Geral da Sporting SAD foi aprovar um salário de 300 mil euros por ano para o seu presidente, José Eduardo Bettencourt!... Considerando que em 2009-2010 recebeu 219 mil euros, o presidente do Sporting acaba por ser aumentado, passando a receber 21.500 euros mensais iliquidos. Estes gestores da treta vivem mesmo noutro mundo...
Num clube falido e quando todo o País é impelido a apertar o cinto, passando a ganhar menos no final do mês, pagando mais impostos e perdendo abonos de família e outros rendimentos, há um homem que é premiado. Um homem que, sublinhe-se, só tem feito asneira no exercício do cargo que ocupa, como o prejuízo superior a 26 milhões de euros do último ano de gestão da SAD leonina comprova. Mas esse prejuízo (que duplicou em relação ao exercício anterior) foi aprovado, como têm sido aprovados outros disparates nos últimos anos. É o Sporting de Bettencourt no seu melhor.

5 comentários:

Anónimo disse...

A mim espanta-me como é que O SCP, um clube «grande», mostra não ter adeptos; massa crítica; e alternativas. É sempre aquele círculo de «elite» a querer continuar a dominar o clube. Como é que um clube «grande» se deixou entregar a toda uma «elite» que nada faz do que distribuir os lugares entre si, durante anos e anos. Veja-se o caso do Rui Oliveira e Costa. Empregado do clube, outrora, no Jornal, agora é das direcções, vai saltando de cargo em cargo lá dentro. Obviamente que tem de apoiar a «elite», senão perde o tacho, e perder o tacho é mau: sempre se ganha uns trocos agora, mais uns para a reforma, e faz-se amizades influentes para a vida. Mais, este tipo, então, é repugnante. Então, o homem vê o António-Pedro Vasconcelos revelar em directo, que ele - Oliveira e Costa -, apesar de ter uma empresa de sondagens, não sabe lidar com computadores. Ain't that hilarious? Serei o único a achar isto hilariante? Este homem é o arquétipo do sportinguista que ninguém deveria gostar de ver como empregado do clube. Um parasita autêntico. Este estado de graças do Sporting, mostra apenas que o clube se tem afastado, cada vez mais, do povo, pois as elites burguesas nunca gostaram muito do povo, da «ralé». Pois é, meus amigos, mas o futebol nasceu, foi, e é alimentado pelo povo operário - no caso inglês. Jamais pode, de forma alguma, afastar-se do povo, pois é esse mesmo povo, a «ralé», que alimenta o jogo e os clubes. SCP está definhar a olhos vistos. Daqui a pouco vai disputar uma divisão só de Tios e Tias ali no Eixo Oeiras-Cascais.

Bin Laden disse...

Rui Oliveira e Costa começou por ser uma espécie de "sindicalista", filiado no PS e pago pela CIA - forças inspiradoras da UGT. Anos mais tarde, deu o salto. Simples, não é?

Quanto ao Benttecas e ao seu salário... triste povo sportinguuista! Todo o gato sapato nos goza e explora... Mas esse, como se vê pelas sucessivas "medidas de austeridade" anunciadas plo governo é um mal generalizável ao povo português...

Anónimo disse...

Mas alguém me explica como se eu fosse uma criança, porque é que criaturas que arruínam o clube foram premiados com um louvor?

Anónimo disse...

A ser verdade a equipa de esta noite avançada pelos jornais,haja alguém aí em Lx que corra ao estádio chamar burro ao Paulo Sérgio,pois continua a apostar no Burrício,enquanto o melhor fica no banco.Então o homem não foi contratado por ser melhor ou querem transformá-lo noutro Stok.
Puta de sorte a minha gostar do Sporting.
Sportinguista sou eu.

Anónimo disse...

Anónimo #1, não se esqueça que o clube com raízes operárias em Portugal é o Benfica, enquanto que o Sporting tem raízes aristocráticas. A situação que descreve de o SCP estar liderado por uma elite social, acaba por estar certa, dentro do contexto histórico.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...