terça-feira, 29 de março de 2011

Sporting. Sócia que não podia votar valeu 10 votos


Catarina Bita, sócia do Sporting nº 7504 deslocou-se a Alvalade no dia das eleições para acompanhar o marido, que ia votar. Apresentou o cartão de sócia e indicaram-lhe a mesa 11. Contribuiu com 10 votos. Na semana anterior o clube tinha-a informado de que não tinha direito de voto.

Depois de Bruno de Carvalho ter denunciado irregularidades no decorrer do acto eleitoral do Sporting, que acabou por dar a vitória a Godinho Lopes, uma nova denúncia surge agora pela voz de Catarina Bita, sócia do clube de Alvalade nº 7504 há 33 anos. Há cerca de dez passou a sócia correspondente, sem direito de voto, e recentemente, no final de 2010, voltou a requerer o estatuto de sócia efectiva com o objectivo de adquirir o bilhete de época. Contactou o clube na semana anterior às eleições para saber se podia ou não votar. Foi informada, por telefone e por correio electrónico, que, por não cumprir o critério de ter de ser sócia efectiva há 12 meses ou mais, não podia votar.

"Fui acompanhar o meu marido, que foi votar, apresentei o meu cartão de sócia, apenas para o acompanhar à sala, passei no primeiro controlo do cartão, mandaram-me entrar, no segundo controlo mostrei o cartão, pediram para que me dirigisse à mesa 11 para votar, e tive direito a dez votos", conta Catarina Bita.

Depois de ouvir Lino de Castro a afirmar em conferência de imprensa que não tinha havido qualquer irregularidade, decidiu denunciar o seu caso, e pede agora esclarecimentos sobre quantas mais pessoas votaram na mesma situação. Catarina afirma que seria "digno" do actual presidente, Godinho Lopes, "renunciar ao cargo e requerer segundas eleições" porque, adverte, "as coisas têm de ficar claras (...). O Sporting é um grande clube e tem de subir novamente, mas não é com aldrabices, não é com mentiras, nem com eleições forjadas que se vai lá; muito pelo contrário", conclui.

CÓPIA DO E-MAIL ENVIADO PELO SPORTING

"Prezada Consócia Catarina Bita, Desde já agradecemos o seu contacto. No seguimento da sua solicitação, vimos por este meio informar que as eleições para os Órgãos Sociais do Sporting Clube de Portugal decorrem no próximo dia 26 de Março, tendo início às 10.00 horas e término às 20.00 horas do referido dia, no Hall VIP do Estádio José Alvalade em Lisboa. Adicionamos que podem votar, de forma presencial, todos os sócios efectivos que tenham à data da eleição, tenham sido admitidos na categoria há pelo menos doze meses (artº. 20º, nº 2, dos Estatutos). Ou seja, os sócios daquela categoria com número igual ou inferior a 83034-0 e que tenham pago todas as quotas devidas, incluindo a quota relativa ao mês de Fevereiro de 2011. Desta forma, e tendo em conta que a associada Catarina Fonseca Vilar Bita, sócia n.º 7504, apenas é associada efectiva do clube desde Outubro de 2010 não se encontra abrangida pelo direito de voto. Para mais informações, por favor consulte o nosso site oficial em: http://www.sporting.pt/Clube/eleicoes2011.asp (Caminho no site: Clube/Eleições) Adicionamos que procedemos à actualização dos seus dados pessoais na sua ficha de associada. Agradecemos a sua preferência. Continue a visitar-nos em www.sporting.pt Sem outro assunto de momento, apresentamos os nossos melhores cumprimentos e Saudações Leoninas"


24 comentários:

Renman disse...

Realmente atacar o SCP smp foi o seu forte.Talvez procurando um tachinho,ou então com alguma dor de cotovelo. Peço-lhe encarecidamente que deixe de se apresentar como sportinguista,porque de sportinguista você não tem nada.

Se pretende ser sério,faça por favor uma adenda ao que acabou de escrever...a cara consórcia da qual falou, votou no seu candidato BdC. Será ele o responsável pelas tão faladas irregularidade?

Não me parece....

Está na altura de nos unirmos em volta do grande SCP ao invés de alimentar este constante clima de guerrilha

José Mário disse...

Já agora a senhora em causa votou em quem??

Parem de ser ridículos e aceitem os resultados.

Só nestas eleições é que se estão a lembrar de todas as falhas possíveis...
Não me lembro de ver o mesmo posto em causa no passado.

Este blog continua a prestar um mau serviço ao Sporting, fomentando a discórdia e desunião.

(espero que saibam aceitar a critica e publicar este comentário)

SportingSempre disse...

és uma vergonha LdE porque garanto que se BdC ganhasse por curta margem nada disto acontecia, e estavas caladinho e a festejar, palhaçada...voçÊs não querem unidade, voçês, e Carvalho é o principal responsável, querem é desintegrar o Sporting.

Joao Moutinho disse...

Ainda bem que eu sai a tempo

pete meaden disse...

Esta situação é o quê? É uma situação Compatível? Legal? Regular? Licita? Conforme?

Houve ou não houve Irregularidades?

É evidente que houve. AQUI ESTÁ UMA!

Lino de Castro mentiu! Algo que a Continuidade faz com toda a naturalidade...!

Chega de Corrupção no SCP!

Tem a palavra a Lista C!

CF disse...

Eu sou o sócio número 21.498, faria 12 meses de sócio NO DIA DE HOJE e dissera-me que também não poderia votar.

Se soubesse desta desorganização tinha cagado nisso e ia lá na mesma.

Paiva disse...

Só á uma solução…Temos de ir a Eleições organizadas por uma empresa externa ao clube para que de uma vez por todas fique tudo clarificado e a dinastia roquetista largue de vez o poder.

ESTE SPORTING É UMA FRAUDE!!!

SportingSempre disse...

O CARVALHO SE CONTINUAR COM ESTA MERDA VAI FODER O CRÉDITO TODO QUE GANHOU NAS ELEIÇÕES…não mostra inteligência nem presidencialismo..quem o aconselha não é muito esperto, quanto mais ele tentar desintegrar o clube mais ressÊntimento haverá contra ele nas proximas eleições…

NO DOMINGO DE MADRUGADA TINHA UMA CERTEZA..que votaria Carvalho nas proximas eleições, hoje cada vez a tenho menos, porque é evidente que o melhor interesse do Sporting neste momento é união, ele podia contribuir para ela, mas não, tá mais interessado em dividir pa conquistar..se continuar assim pagará o preço e perderá as proximas eleições por mais votos.

Chaka Sidyn disse...

Como esta senhora votou no BdC, o GL devia ter ganho por 370 e não por 360 votos....

Sem duvida está provado que houve votos fraudulentos num candidato, e é divertido que que votou de modo fraudulento venha pedir honestidade... mas enfim é normal que quem não ve outra maneira de ganhar do que pela via das ilegalidades se admire quando estas não são suficientes para ganhar.

PFA disse...

Caro Lde,

E em que votou esta senhora. É só para saber se é para contabilizar + 10 votos ou - 10 votos no seu candidato.
Como vai sendo meu hábito ridicularizar o que você escreve aqui vai mais um link
http://www.facebook.com/note.php?note_id=109855909093869
Não quer dizer agora o que pensa da auditoria que vai ser feita com a colaboração de todos os candidatos?
Ou quer continuar nessa sua cruzada?
Saudações leoninas (para mim) e um abraço para si que de Sporting só parece ter este blog...

brmf disse...

"Só nestas eleições é que se estão a lembrar de todas as falhas possíveis..." Não sou do Sporting, mas só nestas eleições é que a diferença entre o vencedor o segundo classificado foi de apenas 360 votos, isto é, provavelmente 20 a 50 votantes. Ou seja, qualquer falha, ainda que involuntária, pode ter alterado os resultados quanto ao vencedor (ou não, e a diferença ser ainda maior).

Zé do Boné disse...

O mais triste é pensar que se esta "direcção" apresenta resultados todos se esquecerão disto até os maiores críticos.
Perder não é novidade para este Sporting.
As vitórias,tal como em 2000 e 2002,irão camuflar o fracasso que é este projecto roquette e obviamente que darão a este a cartel mexicano, a chance de encher os bolsos à custa do nosso clube.
A que ponto chegou o meu Sporting:eleger um presidnete a contas com a justiça e um director da SAD que nem pode sair do país pelo mesmo motivo!
O SCP cada vez mais me lembra a classe política portuguesa vá-se lá saber porquê...

Joca Leão disse...

SportingSempre se tivesses um pingo de vergonha nessa cara nem abrias o bico,porque quem está a desintegrar o clube há uma porrada de anos(com a conivência de "adeptos" como tu)é o teu adorado projecto roquette.
Faz um favor a todos nós e muda o nick para PortoSempre ou melhor ainda Anti-SportingSempre.
Fantoche!

Anónimo disse...

Agora vou ser também estúpido como os bloguistas cá da praça.
Como esta sócia denunciou uma irregularidade, e como quem beneficiou disto foi a candidatura de BdC, logo conclui-se que quem cometeu estas ilegalidades foram os membros da candidatura de BdC.
Tenham dó e em vez de dividir o SCP, pensem em lutar pelo SCP.
Se continuarem nisto, só posso pensar que são lampiões ou tripeiros.

Anónimo disse...

"O autarca Luís Duque saiu esta noite do Tribunal Central de Instrução Criminal (TCIC), em Lisboa, após várias horas de interrogatório, proibido de contactar outros arguidos do processo e de se ausentar para o estrangeiro sem autorização judicial.

O advogado Soares da Veiga, que defende Luís Duque neste processo relacionado com o dossier Banco Português de Negócios (BPN), adiantou aos jornalistas que o seu constituinte ficou proibido de contactar, directa ou indirectamente, os arguidos Carlos Marques, Nelson Rego, João Sardinheiro, Diamantino Morais e Teresa Cantanhede, entre outras pessoas.

Luís Duque, antigo presidente da SAD do Sporting, está também sujeito a Termo de Identidade e Residência (TIR), inerente à sua qualidade de arguido neste processo.

No final da sessão, o advogado leu aos jornalistas um despacho proferido pelo juiz do TCIC, Carlos Alexandre, em que se refere que Luís Duque é suspeito de um crime de corrupção passiva para acto ilícito.

Segundo o despacho, Luís Duque foi "interrogado no âmbito do seu alegado envolvimento em factos relativos à sua eventual intervenção em processos de licenciamento e de contra-ordenação no município de Sintra", onde é vereador.

O advogado Soares da Veiga revelou que, durante o interrogatório, pediu a palavra para comunicar ao juiz que o seu cliente tem "vindo a ser sujeito a notícias contendo insinuações sobre alegado envolvimento seu em factos relacionados com empréstimos em bancos, com burlas no quadro desses empréstimos, avaliações de terrenos no município de Sintra e fraudes ao BPN, a que é completamente alheio".

Durante o dia de hoje o juiz Carlos Alexandre ouviu também o arguido João Sardinheiro, a quem aplicou medidas de coação iguais às de Luís Duque.

No final de Outubro, o TCIC decidiu que o empresário do ramo imobiliário e automóvel Carlos Marques, um dos três arguidos detidos no âmbito de uma investigação relacionada com o caso BPN, vai aguardar julgamento em prisão preventiva, informou na altura o seu advogado.

A esta medida de coação foi acrescido o pagamento de uma caução económica de um milhão de euros, avançou à agência Lusa José António Barreiros, após interrogatório no TCIC.

Diamantino Morais, outro dos detidos, saiu em liberdade, com o pagamento de uma caução económica de 500 mil euros, apresentações periódicas às autoridades de 15 em 15 dias, proibição de se ausentar de Portugal e de contactar com os restantes oito arguidos do processo.

Fonte do tribunal adiantou que a arguida também interrogada, Teresa Cantanhede Rodrigues, que também esteve detida, saiu em liberdade, tendo-lhe sido também aplicada uma caução económica de 500 mil euros, proibição de ausência do país e de contactos com o arguido Carlos Marques.

Nesta investigação, no âmbito da operação de combate à corrupção "Rollerball, estão em causa crimes de burla qualificada, falsificação, fraude fiscal, corrupção e branqueamento de capitais, segundo a imprensa.

Os montantes envolvidos atingem, no total, cerca de cem milhões de euros, segundo o DCIAP"

MaximinoMartins disse...

Este episódio, só deixa mal a sócia que sabia antecipadamente que não podia votar, soubeo-o por escrito por informação da Secretaria...
Deixaram-na entrar com om marido que foi o que ela lá foi fazer...
Ao aproveitar-se da situação de um erro lhe ter proporcionado ficar com os boletins na mão...
Ao votar...mostrou apenas que não é honesta...!!

Eu fui e continuo a ser apoiante do BC...mas peço-lhe que pense duas vezes, antes de impugnar as eleições e se lembre que aqui apenas há um prejudicado...o Sporting...!!

UniRoSporting disse...

A senhora mesmo sabendo que não podia votar, foi em frente e votou.
Eu pergunto depois desta acção consciente onde fica a credibilidade da própria? Ainda para mais uma confessa apoiante de BdC, parem com isto, aceitem a derrota e apoiem o Sporting !!

Hugo disse...

A desunião não foi provocada por BdC nem pelo LdE, mas sim pela chamada continuidade há pelo menos dois ou três anos. Quanto às irregularidades também as deve ter havido nas eleições anteriores, mas quando o resultado final é 90-10 não são essas pretensas irregularidades que determinam o resultado final. Desta vez a diferença foi de umas dezenas de votos, já para não falar dos 2500 que apareceram do nada ao longo da contagem. Acho que o correcto seria repetir as eleições. Esta época está perdida e não é por umas semanas que demoraria a preparar o próximo escrutínio que a planificação da próxima época seria prejudicada por aí além.

Gonçalo disse...

Desvalorizar a notícia apenas pelo sentido de voto da sócia é ridículo. O que está aqui em causa é a verdade do acto eleitoral!

SL

Anónimo disse...

Bruno de Carvalho, se quiser ser Presidente do SCP, só tem uma saída: aceitar o resultado das eleições e esperar pelas próximas que, se a equipa para a próxima época não lutar pelo título até ao fim, não devem demorar muito tempo. Esperto foi o Dias Ferreira.

Leão da Praia disse...

E se a prezada consócia tivesse evitado entrar na fantochada, evitando votar - PORQUE NÃO TINHA DIREITO? Não teria sido uma posição mais digna?

Se o juiz Abrantes Mendes - um homem acima de qualquer suspeita - diz que se sente confortável com as eleições, à pala de quê se continua este teatro?

VL disse...

Todos criticam, mas ainda ninguém sabe qual o fundamento para a impugnação que o Bruno de Carvalho pretende apresentar.

Julgo que ninguém deseja o Sporting envolvido nesta situação, mas se houve irregularidades julgo que é importante saber-se e apurar a verdade. Esta situação da consócia com 10 votos demonstra bem o que pode ter acontecido, se isso não vos preocupa é porque temos uma noção diferente de democracia e verdade.

40PostasPescada disse...

um momento de reflexão sobre as eleições:

http://videos.publico.pt/Default.aspx?Id=a36a3b7a-be51-4737-9985-dd611c556a63

PG disse...

Falha de comunicação na origem da denúncia
A denúncia de Catarina Bita, filiada há 33 anos e com o nº 7504, quanto à alegada irregularidade que esteve ligada à sua votação, uma vez que era sócia efectiva há menos de um ano - condição indispensável para exercer o direito -, foi desvalorizada a O JOGO por Lino de Castro, presidente da Mesa da Assembleia Geral em exercício no acto eleitoral, justificando a mesma com "uma informação mal prestada". "Tinha pago 55 euros por ser sócia correspondente e pediu para ser efectiva a 12 de Julho de 2010. Como comprou a Gamebox, teve direito a quatro meses de quotas pagas no âmbito de uma promoção, tendo sido assumida informaticamente a regularização desde Janeiro de 2010", disse. Catarina Bita recusou-se a tecer mais declarações por "ter sido alvo de várias ameaças".

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...