quinta-feira, 4 de outubro de 2012

O Sporting é mesmo muito grande


O Sporting Clube de Portugal tem graves problemas estruturais. A atual direção do clube, presidida por Godinho Lopes, tem um sério problema de legitimidade, desde as eleições de 26 de Março de 2010, pois não foi o candidato mais votado pelos sportinguistas. E salvo umas pinturas nas bancadas de Alvalade, Godinho Lopes limitou-se a dar continuidade à obra suicida de José Eduardo Bettencourt. Por isso, enquanto não for resolvido esse problema de legitimidade diretiva, o Sporting continua a ser um cemitério de jogadores, dirigentes e treinadores. Hoje foi a vez de Ricardo Sá Pinto deixar Alvalade, após mais uma humilhação europeia. É segundo treinador a ser queimado, enquanto os verdadeiros responsáveis pela tragédia tentam escapar entre os pingos da chuva. Sem liderança e sem estratégia, o clube vai definhando. Só não acabou porque é mesmo muito grande.

1 comentário:

Mauro Silva disse...

O engraçado é constatar os blogs que só escrevem nestas alturas. São um leão da estrela, mas a estrela já há muito deixou de brilhar, e a juba do leão também...

Mais valia mudarem o nome para um qualquer leão de carvalho...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...